observador.ptobservador.pt - 25 nov. 14:45

PSP destruiu mais de 20 mil armas de fogo

PSP destruiu mais de 20 mil armas de fogo

A Polícia de Segurança Pública destruiu mais de 20.000 armas de fogo, numa iniciativa em que se associa ao Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra a Mulher.

A Polícia de Segurança Pública destruiu nesta sexta-feira mais de 20.000 armas de fogo, numa iniciativa em que se associa ao Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra a Mulher.

Em comunicado, a direção nacional da PSP refere que se associa ao Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra a Mulher, que hoje se assinala, tendo promovido a destruição de 20.209 armas de fogo.

A PSP adianta que desde 2013 já foram destruídas mais de 276 mil armas de fogo de todas as tipologias, sendo nos anos de 2018 (37.351) e 2019 (35.065) que mais armas foram destruídas. Em 2021 foram destruídas 34.117 armas de fogo.

A PSP procede igualmente à destruição de munições e cartuchos, num processo que totalizou mais de 33 toneladas em quatro anos.

Este ano foram destruídos 4.118 munições e cartuchos.

A PSP explica que, após confirmada a inutilidade das armas, munições e cartuchos para a atividade operacional, formativa, cultural, museológica ou outra das forças de segurança, o diretor nacional determina a “adequada e preventiva destruição”.

Esta atividade decorre das competências da PSP de controlo e supervisão de armas e munições, exercidas em exclusivo desde 1946.

NewsItem [
pubDate=2022-11-25 14:45:16.0
, url=https://observador.pt/2022/11/25/psp-destruiu-mais-de-20-mil-armas-de-fogo/
, host=observador.pt
, wordCount=184
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2022_11_25_2126987817_psp-destruiu-mais-de-20-mil-armas-de-fogo
, topics=[armas de fogo, psp]
, sections=[]
, score=0.000000]