Opinião

observador.ptVasco Pulido Valente - 25 jun 07:48

Luto nacional

…hopes expire of a low dishonest decade…

www.publico.ptDavid Dinis - 25 jun 07:30

O SIRESP é uma teia (e ministra, ainda há?)

Cinco notas sobre o colapso do SIRESP. Uma nota breve sobre o que se passa na Protecção Civil. E uma pergunta: é Constança que leva a carta a Garcia?

observador.ptJoão Marques de Almeida - 25 jun 07:46

Não veio o diabo mas veio o inferno

Como não podia deixar de ser, no meio da irresponsabilidade geral, não faltaram os apelos do primeiro-ministro à “unidade nacional”. Perante uma crise, os instintos do Estado Novo surgem imediatamente

sol.sapo.ptSofia Vala Rocha - 25 jun 13:48

Pedrógão - o mal está feito

Para tudo na vida há remédio. Exceto para a morte. Esta frase que dizemos tantas vezes, na sua simplicidade, resume tudo. A morte é o fim para os que morrem - e, muitas vezes, para os que cá ficam a suportar a dor.

sol.sapo.ptEduardo Ferreira - 25 jun 10:54

Até quando?

Segundo leio no “Diário de Notícias”, a GNR está a investigar tentando identificar os membros de um grupo de energúmenos que, em Benavente, deitou fogo aos cornos de um touro, amarrado a uma estaca.

www.publico.ptHugo Daniel Sousa - 25 jun 10:39

Ai, as minhas cerejas!

Assim que chega a Primavera, muitos portugueses começam a pensar na praia, nas férias, nas cervejas na esplanada, nos petiscos estivais, nas viagens, etc. Eu também.

www.publico.ptTeresa de Sousa - 25 jun 07:45

Tempo novo? Sim, mas convém não exagerar

O Presidente francês não era o mais jovem dos líderes europeus em Bruxelas. O novo primeiro-ministro irlandês, Leo Varadhkar, ainda não fez 39 anos. Além disso, é gay e descendente de um imigrante indiano. Na católica Irlanda. Nem tudo está perdido.

sol.sapo.ptDinis de Abreu - 25 jun 13:52

A culpa vai morrer solteira…

Houve uma pressa inusitada em atribuir a tragédia de Pedrógão Grande a causas naturais.

www.publico.ptFrei Bento Domingues O.P. - 25 jun 07:52

Um investigador original

Frei Francolino Gonçalves é reconhecido nos meios da investigação bíblica como uma das suas grandes figuras. Morreu, em Jerusalém, no dia 15 de Junho.

www.publico.ptMiguel Esteves Cardoso - 25 jun 06:30

Os grâmpios

Resmungar é uma técnica que se aperfeiçoa à medida que envelhecemos, sem qualquer esforço da nossa parte.

www.jornaldenegocios.ptDaniel Gros - 25 jun 14:00

A força oculta da Zona Euro

Felizmente para a Zona Euro, entrará neste período de emprego elevado e crescimento lento numa base sólida - graças, em parte, a essa austeridade polémica.

www.publico.ptVicente Jorge Silva - 25 jun 07:20

Todos os fogos o fogo

Espera-se agora, em Londres tal como em Pedrógão ou outros lugares de devastação – e são tantos, por esse mundo fora, da Califórnia à Austrália – que a lição dos fogos seja finalmente aprendida.

www.dn.ptPedro Marques Lopes - 25 jun 01:15

À Procura - Uma culpa antiga

Não sei se as mortes de Pedrógão podiam ser evitadas. Se foi um daqueles fenómenos em que tudo corre mal ao mesmo tempo: natureza, decisões erradas, condições meteorológicas, avarias.

www.cmjornal.ptFrancisco Moita Flores - 25 jun 01:30

Demissões e soluções

De Nada vale reformular políticas florestais sem combater a desertificação.

www.publico.ptPedro Lourtie - 25 jun 07:21

Política de formação em Medicina

Impedir novas ofertas só afeta quem não tem dinheiro para ir fazer a sua formação em Espanha, na República Checa ou noutro qualquer país.

www.jn.ptAfonso Camões* - 25 jun 00:03

All you need is love

Quase toda a vida moderna foi construída sobre três quimeras: liberdade, igualdade e fraternidade. Inventaram-nas os alucinados franceses da revolução (1791), que as venderam como tábuas de lei a um mundo a fazer de conta que as leva a sério.

www.publico.ptPedro Jordão - 25 jun 07:16

Cuba, Trump e o embargo teatral

O embargo comercial dos Estados Unidos a Cuba, com mais de cinco décadas, é tão polémico como enganador.

www.jn.ptJosé Manuel Diogo* - 25 jun 00:01

Crónica de uma tragédia anunciada

Depois da dor vem o luto. E com o luto as perguntas. O tempo está mais fresco. Os mortos já foram a enterrar. Mas o ar está mais pesado que nunca.

www.dn.ptAntónio Barreto - 25 jun 02:12

Sem Emenda - Um Parlamento trivial

A Agência Europeia de Medicamentos poderá vir para Portugal! A saída da Grã-Bretanha da União tem consequências destas. Organismos estabelecidos no Reino Unido serão deslocados. Dezenas de empregos apetecíveis serão criados noutros países.

www.jn.ptManuel Carvalho Da Silva* - 25 jun 00:02

Há muito a repensar

Portugal precisa e pode encetar um rumo seguro de desenvolvimento.

sol.sapo.ptSebastião Bugalho - 24 jun 21:38

Não consigo voltar

Como é que o mundo podia continuar depois daquilo? Como é que ainda havia música depois de eu ouvir aquele silêncio - sem vento, sem vida.

www.dn.ptBernardo Pires de Lima - 25 jun 01:07

Jogos Sem Fronteiras - Merkron e Lisboa

Angela Merkel fica e os presidentes franceses passam. Desde que chegou ao poder, em 2005, a chanceler já trabalhou com quatro, mas talvez nunca, como agora com Macron, o eixo franco-alemão seja tão decisivo.

www.dn.ptPaulo Tavares - 25 jun 01:20

Opinião - Estamos protegidos?

Há uma semana, quem não passou a madrugada acordado e colado à televisão, à rádio e às redes sociais, acordou para o inimaginável.

www.cmjornal.ptLuísa Jeremias - 25 jun 01:30

Sobre os cadáveres

Cadáveres também vimos em capas de jornais que se dizem ‘sérios’.

www.dn.ptAntónio Tadeia - 25 jun 01:03

Conversas De Bancada - Futuro de oposição permanente

Um dia antes de a seleção nacional se qualificar para as meias-finais da Taça das Confederações, na Rússia, a equipa de sub-21 ficou fora das meias-finais do Campeonato da Europa da categoria, que está a decorrer na Polónia, muito por força de duas questões: um regulamento idiota e o facto de ter ficado no mesmo grupo da Espanha, uma das poucas potências que pode rivalizar connosco nestas coisas do futebol de desenvolvimento e que impôs aos miúdos de Rui Jorge a primeira derrota em competição desde 2011.

sol.sapo.ptFilipe Pinhal - 24 jun 21:41

Os 7 pecados dos gestores de sucesso

Os fazedores do mal do virar do século eram pessoas brilhantes que dirigiram as empresas segundo os seus pessoalíssimos gostos.

www.cmjornal.ptOctávio Ribeiro - 25 jun 01:31

O ‘velho’ merece

Portugal é já o favorito a levantar o troféu.

www.cmjornal.ptFernando Jorge - 25 jun 01:30

Bomba atómica

Quem ameaça tem tratamento diferenciado. Logo, funciona!

www.cmjornal.ptLeonardo Ralha - 25 jun 01:30

Canções à beira-mar

Entre o calor e a brisa do mar a canção encontrará quem a queira ouvir.

www.cmjornal.ptRicardo Valadas - 25 jun 01:30

Décadas a deixar arder

Os caçadores de bruxas voltam ao ataque político após a morte chegar.

www.cmjornal.ptFrancisco José Viegas - 25 jun 01:30

Vai lá jogar râguebi

Só se ganha no fim administrando cuidadosamente cada etapa.

www.cmjornal.ptMagalhães e Silva - 25 jun 01:30

A dor e a morte

Ah! A condição humana e o seu quotidiano de dor e morte.

www.cmjornal.ptLeonardo Ralha - 25 jun 01:30

Até sem cabeça

Por vontade do madeirense havia mais um Sputnik.

www.cmjornal.ptFernando Ilharco - 25 jun 01:30

Os mal-entendidos

Ter semelhanças e amigos em comum facilita que as pessoas se entendam.

www.dn.ptCarlos Nogueira - 25 jun 01:13

Opinião - Há mais Portugal além de CR7

Cristiano Ronaldo é, hoje, um símbolo de Portugal e uma das formas de o país ser falado e reconhecido nos mais diversos cantos do mundo. Mas a imagem que alguns russos têm dos portugueses vai muito além do futebol e do melhor jogador do mundo.

www.dn.ptJaime Nogueira Pinto - 25 jun 01:10

Opinião - A marcha forçada de Emmanuel Macron

As recentes eleições francesas em quatro etapas, duas voltas presidenciais e duas voltas legislativas, merecem uma correcta reflexão que traz alguma incorrecção política.

24.sapo.ptDiogo Faro - 24 jun 13:12

Incêndio no jornalismo português

Deflagrou um incêndio de grandes proporções, esta semana, no jornalismo português. Há grandes áreas que, para bem do país, se mantém intactas, mas outras, as que têm as maiores plantações de eucalyptus eticas zeru estão ainda cobertas de fogo.

www.publico.ptJoão Miguel Tavares - 24 jun 08:33

Não nos atirem mais fumo para os olhos

A mera hipótese de que não haja responsáveis concretos pela tragédia, e de que tudo não tenha passado de uma lamentável maldade da mãe natureza, é um absurdo.

sol.sapo.ptManuel Boto - 24 jun 13:49

Greves entre amigos

A festa (leia-se ‘greve’) foi feita! E ficou tudo na mesma, sem mossas em ninguém.

www.publico.ptMiguel Esteves Cardoso - 24 jun 08:35

Os lixeiros

Para encontrar mais beatas não há nada como ir tomar um banho. Aqui vêem-se beatas flutuantes. Algumas foram apanhadas da areia pela maré.

observador.ptP. Gonçalo Portocarrero de Almada - 24 jun 08:21

O diabo existe… graças a Deus!

As nossas representações do diabo são ‘figuras simbólicas’, mas não o próprio demónio, cuja realidade e actuação são verdades de fé reveladas na Bíblia.

sol.sapo.ptNuno Ramos de Almeida - 24 jun 15:07

Os Ladrões atacam de novo

O mais célebre blogue de economia em Portugal faz dez anos e lança um livro para provar que essa ciência é «um desporto de combate».

sol.sapo.ptEduardo Ferreira - 24 jun 14:38

Um desastre não verificado

Foram divulgados na sexta-feira, pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), novos valores (os terceiros, e definitivos) sobre a evolução do PIB (total da produção nacional) português no primeiro trimestre deste ano.

www.publico.ptFrancisco Louçã - 24 jun 10:21

A agenda do rescaldo

O Presidente fez bem em ir imediatamente ao local e em incentivar os que combatiam o incêndio. Acho desprezível o ataque que lhe foi feito em poucas horas por um deputado do CDS e por outros mandarins da direita.

www.publico.ptSão José Almeida - 24 jun 09:05

Ridículo

Apagado o fogo, enterrados os mortos, é previsível que se ouça o discurso sobre a atribuição de culpas.

www.publico.ptJosé Pacheco Pereira - 24 jun 08:45

Conversas a 40º

À medida que se caminhava para o calor dos trópicos, as pessoas pensavam pior.

visao.sapo.ptGermano Silva - 24 jun 08:31

Que paguem os judeus a igreja

E a possível razão de a paróquia de Nossa Senhora da Vitória, no Porto, ter ganho esse nome

www.publico.ptManuel Loff - 24 jun 08:55

O fogo, "um problema de ordem pública"...

O ministro da Administração Interna de então, austeritário como os demais do governo Sócrates, chamava-se António Costa. Espera-se que vá a tempo de corrigir isto tudo.

www.publico.ptBárbara Reis - 24 jun 09:25

Mélenchon, Albright e o chapéu da rainha

A rainha não pode votar, mas não é a política. Escolheu um chapéu com as cores da bandeira europeia de forma intencional. Como Albright fez durante anos com os seus alfinetes.

www.publico.ptCarlos Tavares - 24 jun 09:15

Uma mente brilhante

Miguel Beleza contribuiu de modo relevante para a modernização do sistema financeiro português. Mas deu-me sobretudo o privilégio de ser seu Amigo.

www.cmjornal.ptJoão Pereira Coutinho - 24 jun 01:30

Entrevista imaginária

Uma entrevista imaginária com um governo demasiado real.

www.cmjornal.ptPaulo Rodrigues - 24 jun 01:30

União

Por norma o país só acorda após as tragédias. a ação unirá todos.

www.dn.ptAna Sousa Dias - 24 jun 01:03

O Fator Humano - E todos deixaram passar a ambulância

O trânsito estava cerrado, a avançar lentamente pelo túnel, ontem. A sirene de uma ambulância agitou a tarde quente, e lá estava ela uns bons 50 metros atrás. Não vai conseguir passar, não há espaço para nos afastarmos, pensei.

www.dn.ptInês Teotónio Pereira - 24 jun 01:00

Resta-nos os jornalistas

Quando falha tudo resta-nos o jornalismo como uma espécie de bote salva-vidas da democracia.

www.publico.ptVítor Costa - 24 jun 08:29

Tudo está mal quando acaba bem

O que se espera do trabalho que a IGF terá entregado ontem ao Governo sobre o apagão nas offshore é que não tenha mais coincidências com a lista VIP. Mais que não seja para impedir que se diga que tudo está mal quando acaba bem.

www.cmjornal.ptJosé Diogo Quintela - 24 jun 01:30

Polícia dos Timings

A sua mensagem é muito bem coordenada, percebe-se logo que não usaram o SIRESP.

www.cmjornal.ptArmando Esteves Pereira - 24 jun 01:49

Euforia nas casas

Os juros baixos e a explosão turística favorecem a euforia imobiliária.

www.dn.ptJoão César das Neves - 24 jun 01:00

Não Há Almoços Grátis - A farsa de Marx

Constitui um mistério que um partido [o PCP] que tanto fala dos trabalhadores queira sair do euro. Os maiores prejudicados por esse movimento seriam os assalariados

www.dn.ptAntónio Figueiredo Lopes - 24 jun 01:28

Opinião - Portugal na Europa da defesa

Os continuados ataques terroristas em Londres, Paris, Berlim ou Bruxelas, os conflitos na Síria e na região do Sahel, os ciberataques a infraestruturas críticas e tantos outros atos de violência sobre cidadãos indefesos representam um cenário de riscos e ameaças cada vez mais complexo e que contribui para agravar o clima de insegurança que se vive em grande parte da Europa.

www.cmjornal.ptMiguel Alexandre Ganhão - 24 jun 01:30

E o ridículo matou!

No passado dia 12, o Governo decidiu fazer um número de marketing.

www.cmjornal.ptCarlos Rodrigues - 24 jun 01:38

O avô Fernando

Que o jogo de hoje traga o habitual realismo, amigo das vitórias.

www.cmjornal.ptFernando Ilharco - 24 jun 01:30

Maus hábitos

Uma lista do que não fazer é melhor do que uma do que fazer.

www.cmjornal.ptAlfredo Leite - 24 jun 01:30

Cerco à ilha

Al-Jazeera dá voz a israelitas e tem pivôs sem véu e isso assusta árabes.

www.cmjornal.ptLeonardo Ralha - 24 jun 01:30

A cenoura Messi

Rivalidade com ídolo dos catalães é o melhor argumento.

www.cmjornal.ptJosé Calado - 24 jun 01:30

No mínimo ridículo

Somos campeões europeus e estamos a demonstrar o porquê.

www.cmjornal.ptFrancisco José Viegas - 24 jun 01:30

Antes do campeonato

Pelo menos enquanto decorrem as investigações não haverá mais troca de emails comprometedores.

www.cmjornal.ptRui Pereira - 24 jun 01:30

O fogo e a grei

Não serão os políticos a expressão dos defeitos e virtudes do povo?

www.cmjornal.ptAlexandre Pais - 24 jun 01:30

De piano às costas

Houve repórteres a dizer disparates mas a sofrer e a aguentar horrores.

www.cmjornal.ptLeonor Pinhão - 24 jun 01:30

Afinal qual é o problema?

Exigir constância amorosa a um profissional de futebol é mania do século XIX, não do século XX.

www.dn.ptJoseph S. Nye, Jr. - 24 jun 01:00

Opinião - Estratégia Marco Polo de Xi Jinping

A Ásia tem o seu próprio equilíbrio de poder, e nem a Índia, o Japão ou o Vietname querem a dominação chinesa. Eles veem a América como parte da solução