observador.ptobservador.pt - 23 set. 23:38

Futuro Huracán troca V10 atmosférico por V8 biturbo e híbrido mais potente

Futuro Huracán troca V10 atmosférico por V8 biturbo e híbrido mais potente

A Lamborghini prepara-se para lançar um novo Huracán. Perde o encantador trabalhar do 5.2 V10 atmosférico, mas ganha potência e poupa no consumo, graças ao 4.0 V8 biturbo híbrido.

A Lamborghini viu-se obrigada a electrificar os seus desportivos, não só porque cada vez mais clientes o exigem, mas também por esta ser igualmente uma obrigação imposta por Bruxelas, com a finalidade de reduzir o consumo e as emissões de CO2. É sobretudo a necessidade de “civilizar” o V10 que o vai levar a ser descontinuado, com a Lamborghini a garantir que as expectativas dos seus clientes não ficarão defraudadas, uma vez que o Huracán híbrido usufruirá de mais potência e de mais força.

O motor 4.0 V8 Biturbo, similar ao que equipa o Urus Performante com 666 cv, voltou a ser trabalhado pelos responsáveis da competição da Lamborghini, a Squadra Corse. Originalmente concebido pela Audi, este V8 soprado por dois turbocompressores será capaz de fornecer 680 cv e mais de 850 Nm, bastante mais do que era assegurado pelo V10, que atingiu no Huracán STO e Tecnica o seu expoente máximo, com 640 cv e 565 Nm.

Ao volante do Huracán Tecnica, o Lamborghini que agrada em pista e surpreende fora dela

Além do motor V8 biturbo, o próximo Huracán monta ainda um motor eléctrico instalado na caixa de velocidades. A sua função é ajudar o 4.0 V8 sobrealimentado nos regimes baixos e intermédios, precisamente até que os turbocompressores entrem na gama ideal de rotação.

Além deste motor eléctrico, o futuro Huracán deverá montar mais dois motores eléctricos no eixo dianteiro, com o objectivo de ajudar no comportamento e assegurar a capacidade de percorrer alguns quilómetros em modo 100% eléctrico. Para isto ser possível, o Huracán terá de ser híbrido plug-in, mas com uma pequena bateria para não prejudicar o peso nem a respectiva distribuição pelos dois eixos. A potência total do futuro Huracán PHEV deverá ultrapassar os 800 cv, com que chegará ao mercado em 2024.

NewsItem [
pubDate=2022-09-23 22:38:57.0
, url=https://observador.pt/2022/09/23/futuro-huracan-troca-v10-atmosferico-por-v8-biturbo-e-hibrido-mais-potente/
, host=observador.pt
, wordCount=303
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2022_09_23_687164340_futuro-huracan-troca-v10-atmosferico-por-v8-biturbo-e-hibrido-mais-potente
, topics=[atualidade, lamborghini, supercarros]
, sections=[actualidade]
, score=0.000000]