observador.ptobservador.pt - 19 set 22:28

Governo angolano vai pagar subsídio de Natal em três prestações

Governo angolano vai pagar subsídio de Natal em três prestações

O Ministério das Finanças de Angola revelou que vai pagar o subsídio de Natal em três prestações, com início em setembro e final em novembro e cita "limitação de recursos financeiros".

O Ministério das Finanças de Angola anunciou esta quinta-feira que vai pagar o complemento salarial do décimo terceiro mês (subsídio de Natal) aos funcionários públicos em três prestações, com início em setembro e final em novembro.

“Assim, o pagamento será feito de forma parcelada, em três prestações de 33,3% do valor global”, adiantou, em comunicado, o Ministério das Finanças. Funcionários públicos e pensionistas irão receber a última parcela do subsídio em novembro, o que permite “ao executivo honrar o seu compromisso perante os funcionários e suavizar as pressões de tesouraria decorrentes destes pagamentos”, salientou o ministério.

Na mesma nota refere-se que o contexto atual é “marcado por uma limitação de recursos financeiros” devido à estratégia de consolidação orçamental em curso. O Governo “tudo tem feito para atender os seus principais compromissos”, destacando o pagamento de salários, o serviço da dívida, as despesas dos setores sociais, o investimento público e o funcionamento dos serviços públicos, acrescentou o ministério.

A função pública angolana empregava, em 2018, cerca de 385 mil pessoas, a maioria integradas nos setores da educação e saúde, de acordo com dados divulgados no ano passado pelo Ministério da Administração Pública Trabalho e Segurança Social.

1
1