www.jn.ptjn.pt - 6 ago. 11:06

Volta a Portugal: rivalidade não trava amor de pai e filho

Volta a Portugal: rivalidade não trava amor de pai e filho

Ligação familiar entre Joaquim e Pedro Andrade não belisca ambições de ambos na Volta e até dá azo a brincadeiras.

Rivais na estrada, e pai e filho fora dela. Assim é a relação competitiva e emocional entre Joaquim e Pedro Andrade, o primeiro diretor desportivo da ABTF/Feirense, e o segundo jovem corredor da Efapel. Ambos defendem interesses diferentes no pelotão desta Volta a Portugal, mas é impossível esquecerem a ligação umbilical que os une.

"Na estrada cada um tem a sua função, mas há sempre momentos, sobretudo quando surgem dificuldades, que me lembro dele. Felizmente ainda não tivemos uma situação de confronto entre os meus ciclistas e ele, mas se assim acontecer tenho de defender a minha equipa", partilhou, ao JN, o pai Joaquim. O diretor da formação de Santa Maria da Feira não revela ao filho a estratégia que prepara, mas antes da etapa há sempre uma palavra especial. "Desejo-lhe boa sorte e dou alguns conselhos, mas nada mais que isso. Ele tem de seguir as indicações do seu treinador", clarificou.

NewsItem [
pubDate=2022-08-06 10:06:00.0
, url=https://www.jn.pt/desporto/volta-a-portugal-rivalidade-nao-trava-amor-de-pai-e-filho-15074608.html
, host=www.jn.pt
, wordCount=151
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2022_08_06_1283073446_volta-a-portugal-rivalidade-nao-trava-amor-de-pai-e-filho
, topics=[desporto, volta a portugal, ciclismo]
, sections=[desporto]
, score=0.000000]