A influência árabe é grande, desde que Tarik aqui desembarcou em 711. O património histórico é imenso, como que a desmentir a ideia que o Algarve é só as boas praias e o bom clima. No 'reino dos Algarves' tudo é feito a pensar nos que o visitam, sejam portugueses ou estrangeiros.