rr.sapo.ptrr.sapo.pt - 14 mai. 21:47

Bruno Pinheiro: "Amargo de boca não apaga a tranquilidade da época"

Bruno Pinheiro: "Amargo de boca não apaga a tranquilidade da época"

Treinador do Estoril lamentou a pior segunda metade da época, mas saudou a temporada tranquila e o sentido de "dever cumprido" pelo 8.º lugar no campeonato.

O treinador do Estoril falou este sábado de um “amargo de boca” no fim da época em que termina na 8.ª posição no regresso à Primeira Liga, depois da derrota por 2-0 no Estádio do Dragão na última jornada.

"Não tendo o domínio do jogo, conseguimos chegar muitas vezes ao último terço e a zonas de finalização. Fica um amargo de boca que não apaga a tranquilidade da época. Somos muito ambiciosos, achamos que temos qualidade e nem sempre os resultados acompanharam as exibições, especialmente na segunda metade da época. Acabámos por fazer uma época tranquila e o dever foi cumprido", disse em flash interview.

“O Estoril há dois anos estava na segunda liga, há dois ou três o seu treinador não estava no futebol profissional. Conseguimos valorizar-nos e, nesse sentido, estamos todos de parabéns”, acrescentou o técnico dos canarinhos.

NewsItem [
pubDate=2022-05-14 20:47:37.0
, url=https://rr.sapo.pt/bola-branca/noticia/futebol-nacional/2022/05/14/bruno-pinheiro-amargo-de-boca-nao-apaga-a-tranquilidade-da-epoca/284203/
, host=rr.sapo.pt
, wordCount=138
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2022_05_14_445366050_bruno-pinheiro-amargo-de-boca-nao-apaga-a-tranquilidade-da-epoca
, topics=[futebol nacional, bola branca]
, sections=[desporto]
, score=0.000000]