rr.sapo.ptrr.sapo.pt - 14 mai. 21:29

Lisboa: 15 mil pessoas participaram no caminho sinodal proposto pelo Papa

Lisboa: 15 mil pessoas participaram no caminho sinodal proposto pelo Papa

Fase diocesana contou com respostas de dois terços das paróquias, apontando cinco áreas de «conversão» para a Igreja Católica

A equipa diocesana de Lisboa do Sínodo 2021-23, convocado pelo Papa Francisco, anunciou este sábado que 15 mil pessoas participaram na “caminhada sinodal”, com respostas de 64% das 285 paróquias locais.

Os dados foram avançados esta manhã, na Assembleia Diocesana Pré-Sinodal que decorreu no Centro de Espiritualidade do Turcifal.

A comissão que acompanhou o processo, no Patriarcado de Lisboa, destacou o “entusiasmo dos participantes” e “o desejo de continuidade do processo sinodal”, bem como “o compromisso com a reflexão da comunidade” e “a importância de caminhar em conjunto”.

“Mais preocupante, franco ou nulo, a adesão da sociedade civil”, indicam os responsáveis, numa nota divulgada online.

No total, foram “recebidas e validadas 191 respostas ou sínteses paroquiais e de outras realidades eclesiais”, incluindo, além das paróquias, movimentos, reitorias e capelanias, colégios e “outras realidades”, envolvendo “mais de 1700 grupos sinodais”.

A assembleia começou com uma Missa presidida pelo cardeal-patriarca de Lisboa, para quem o caminho sinodal é a única maneira de “aprender o que Deus é”.

“Quem não ama, não conhece a Deus. Amar é viver, trabalhar, sonhar com os outros. Se queremos a vida eterna, então comecemos por fazer Sínodo”, frisou D. Manuel Clemente, citado pela página online do Patriarcado de Lisboa.

O responsável refletiu sobre o sentido da palavra ‘reforma’ quando aplicada à Igreja e que é, muitas vezes, referida nos sínodos.

“Reforma significa retomar a forma inicial. É isso que a palavra ‘reforma’, no seu sentido teológico, eclesiológico, autêntico, significa. É assim que se tem dito ao longo de muitas ocasiões – e até séculos – desta caminhada em conjunto, ao longo de mais de dois mil anos”, observou, perante os representantes das “instâncias mais representativas da diocese”.

Para D. Manuel Clemente, esta reforma é “sempre sinodal, um caminho em conjunto”.

“Retomar a forma inicial, passa necessariamente por aqui e não é em abstrato, mas no concreto, de nós não trabalharmos sozinhos”, sublinhou D. Manuel Clemente.

O Patriarcado de Lisboa informa que a síntese diocesana do Sínodo dos Bispos sobre a Sinodalidade vai ficar disponível online.

A primeira fase do processo sinodal lançado pelo Papa, em outubro de 2021, chega ao fim este mês, com as várias dioceses portuguesas a ultimar uma síntese do trabalho realizado a nível local, que vão entregar à Conferência Episcopal.

NewsItem [
pubDate=2022-05-14 20:29:18.0
, url=https://rr.sapo.pt/noticia/religiao/2022/05/14/lisboa-15-mil-pessoas-participaram-no-caminho-sinodal-proposto-pelo-papa/284201/
, host=rr.sapo.pt
, wordCount=365
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2022_05_14_1536693491_lisboa-15-mil-pessoas-participaram-no-caminho-sinodal-proposto-pelo-papa
, topics=[religião, informação]
, sections=[sociedade]
, score=0.000000]