www.jn.ptjn.pt - 14 mai. 22:38

Desaparece quando tentava auxiliar ex-namorada em trabalho de parto

Desaparece quando tentava auxiliar ex-namorada em trabalho de parto

Um cidadão de nacionalidade brasileira, de 36 anos, residente na zona de Cascais, está dado como desaparecido pela família, que já participou o caso à PSP. Foi visto pela última vez na última terça-feira, quando tentava auxiliar uma ex-namorada, que estava em trabalho de parto num hospital de Lisboa.

Neiva Silva, companheira de Douglas Gonçalves de Almeida há cerca de três anos, contou, este sábado, ao JN que, na última segunda-feira, o homem saiu de manhã para trabalhar e, já ao final da tarde, lhe ligou dizendo que estava "tudo bem" e que apenas podia demorar porque "havia algum trânsito".

"Mas, na verdade, ele não voltou para casa e esse foi o último contacto que tive com ele", revela a companheira.

No dia seguinte, Douglas terá ido a um hospital de Lisboa onde uma antiga namorada estava em trabalho de parto. "Ela pediu-lhe que fosse lá buscar as chaves de casa, onde deveria ir depois para recolher os objetos para a filha que estava prestes a nascer", prossegue a mulher.

O mistério adensa-se a partir daqui. Douglas Almeida nunca chegou a regressar ao hospital, nem para entregar os objetos do bebé, nem as chaves de casa. "Sei que ele esteve mesmo na casa dessa mulher porque fui lá e um senhor que tem uma oficina na cave do prédio e que confirmou que viu o Douglas lá na terça-feira".

Quando a antiga namorada de Douglas deixou o hospital e voltou a casa constatou que estava tudo normal e nada havia desaparecido.

Neiva Silva acrescenta que apresentou, ainda na terça-feira, a participação do desaparecimento na PSP em Lisboa, após ter-se deslocado ao escritório da empresa em que o companheiro trabalhava. "Ali também ninguém sabia de nada, ele simplesmente não apareceu", observa.

A mulher diz que apenas soube do outro relacionamento do companheiro na terça-feira, mas não acredita na hipótese deste se ter ausentado por vontade própria, estando escondido em algum lado.

"Se ele estivesse com vergonha, ou algo do género, por causa de eu ter ficado a saber do relacionamento que aconteceu durante um período em que estivemos separados, pelo menos diria alguma coisa aos familiares no Brasil. Ele tem uma avó de 90 anos, jamais lhe faria uma coisa destas", garante Neiva.

A família no Brasil está desesperada com a situação e já contou a história a jornais como "O Globo", para que o caso não caia no esquecimento.

Em Portugal, Neiva diz que sempre que vai à esquadra de Cascais, os agentes dizem que quando houver novidades será informada. "Nem sei se a Polícia Judiciária iniciou alguma investigação", lamenta.

A mulher pede a quem tiver informações, ou possa ter visto Douglas, que a contacte.

NewsItem [
pubDate=2022-05-14 21:38:00.0
, url=https://www.jn.pt/local/noticias/lisboa/cascais/desaparece-quando-tentava-auxiliar-ex-namorada-em-trabalho-de-parto-14857278.html
, host=www.jn.pt
, wordCount=386
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2022_05_14_1066744805_desaparece-quando-tentava-auxiliar-ex-namorada-em-trabalho-de-parto
, topics=[concelho cascais, desaparecido, local, cascais]
, sections=[sociedade]
, score=0.000000]