eco.sapo.pteco.sapo.pt - 15 jan. 18:16

Unilever falha “assalto” milionário à dona da Sensodyne

Unilever falha “assalto” milionário à dona da Sensodyne

O grupo conhecido pelas marcas Dove, Axe ou Vaseline ofereceu 60 mil milhões de euros pela GSK Consumer Healthcare, que recusou a terceira aproximação e mantém o plano de separar esta área de negócio.

A GlaxoSmithKline (GSK) recusou 50 mil milhões de libras (cerca de 60 mil milhões de euros) da Unilever para a aquisição da unidade de bens de consumo na área dos cuidados de saúde, que inclui marcas como a pasta de dentes Sensodyne, dizendo que a proposta “subvaloriza” este negócio e também as suas perspetivas futuras.

A companhia farmacêutica de origem britânica, que nesta divisão tem como sócia a Pfizer, com uma quota minoritária, confirma ter recebido já três ofertas – a última das quais a 20 de dezembro –, envolvendo um valor de 41,7 mil milhões em dinheiro e 8,3 mil milhões em ações da Unilever, segundo a Reuters.

“A administração da GSK continua focada na execução de sua proposta de cisão do negócio de consumer healthcare, que está a caminho de ser alcançado em meados de 2022″, refere o grupo através de um comunicado. Já a Unilever, que neste ramo e em Portugal é conhecida por marcas como a Dove, Axe ou Vaseline, recusa adiantar se voltará à carga com uma proposta mais elevada.

Certo é que, caso acabe por ser concretizado por valores desta ordem de grandeza, este seria o maior negócio, a nível global, desde o início da pandemia de Covid-19. A mesma agência assinala que, por um lado, colocaria a Unilever, liderada por Alan Jope desde 2019, a concorrer de perto com gigantes como a Estée Lauder ou a L’Oréal nesta área da beleza e dos cuidados pessoais; e, por outro, poderia trazer à GSK “um alívio muito necessário da pressão dos investidores”.

A notícia do interesse na aquisição e desta proposta concreta foi dada pelo jornal britânico Sunday Times, o que levou a Unilever, num breve comunicado publicado este sábado no seu próprio site, a “confirmar a sua aproximação à GSK e à Pfizer sobre uma potencial compra deste negócio” da GSK Consumer Healthcare, sublinhando que “não há certezas sobre se algum acordo poderá ser alcançado”.

NewsItem [
pubDate=2022-01-15 18:16:16.0
, url=https://eco.sapo.pt/2022/01/15/unilever-falha-assalto-milionario-a-dona-da-sensodyne/
, host=eco.sapo.pt
, wordCount=321
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2022_01_15_2101612718_unilever-falha-assalto-milionario-a-dona-da-sensodyne
, topics=[empresas]
, sections=[economia]
, score=0.000000]