www.jn.ptjn.pt - 14 jan. 16:57

Estação de metro da Trindade vai ter esquadra da PSP

Estação de metro da Trindade vai ter esquadra da PSP

A ideia é antiga e deverá concretizar-se este ano. A Metro do Porto, em conjunto com a PSP, prevê, durante este ano, instalar uma esquadra na estação da Trindade dedicada à segurança nos transportes.

A nova unidade dedicada à segurança nos transportes e prevista desde o plano inicial da estação (há mais de 20 anos), nascerá entre as escadas paralelas à Rua de Camões e a estação de metro. De acordo com fonte da Metro do Porto, o projeto está a ser trabalhado para que o concurso de adjudicação da empreitada seja lançado em breve.

O Plano de Atividades da empresa para 2022 aloca 950 mil euros para criar este espaço, bem como "o tratamento definitivo do acesso ao cais 1" da Trindade.

Estão também previstas revisões das composições e reparação de infiltrações em túneis e danos na estação de Campanhã. Com esses trabalhos, a Metro estima gastar, em 2022, cerca de 2,1 milhões de euros, dos quais 1,4 estão integralmente dedicados às revisões dos veículos Tram Train (os mais recentes) e Eurotram (os primeiros a entrar ao serviço na rede). O investimento inclui a "substituição de foles de articulação" destas últimas composições. Já em 2021 foram gastos 1,3 milhões de euros com estes trabalhos.

Está também prevista uma verba de 600 mil euros para a "renovação integral de via no tronco comum (Dragão-Fonte do Cuco)". Para os invisuais, será implementada até 2025 uma "faixa tátil em todos os cais", que custará quatro milhões.

Também a estabilidade do muro de Campanhã será analisada. Os estudos complementares e projetos custarão 100 mil euros.

De acordo com o plano de atividades para 2022 da Metro do Porto, estão ainda previstos pequenos trabalhos de substituição de travessas de madeira na Ponte de Luís I, intervenções na estação Parque Maia, adjudicações para a instalação de coberturas nas estações Senhora da Hora e Brito Capelo (Matosinhos) e ainda adjudicações para remover passagens de nível, quer na estação Carolina Michaelis quer nas linhas Verde e Vermelha.

Número de passageiros só normaliza em 2023

"Foi muito significativa a quebra de procura registada no Metro do Porto em 2020 (-45%) e não se espera a sua recuperação para os níveis de 2019 (recorde absoluto de procura do sistema de metro) antes de 2023", pode ler-se no documento do Projeto de Orçamento e Plano de Atividades para 2022.

"Pressupõe-se que apenas em 2023 será possível atingir valores de procura semelhantes aos apurados em 2019, ou seja, o volume de passageiros em 2023 será de cerca de 96% do registado em 2019", clarifica a empresa.

NewsItem [
pubDate=2022-01-14 16:57:00.0
, url=https://www.jn.pt/local/noticias/porto/porto/estacao-de-metro-da-trindade-vai-ter-esquadra-da-psp-14492293.html
, host=www.jn.pt
, wordCount=383
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2022_01_14_2086489352_estacao-de-metro-da-trindade-vai-ter-esquadra-da-psp
, topics=[porto, concelho porto, local]
, sections=[sociedade]
, score=0.000000]