visao.sapo.ptvisao.sapo.pt - 26 nov. 08:00

Visão | "Tozé Brito (de) Novo": Renascimentos

Visão | "Tozé Brito (de) Novo": Renascimentos

Músicos portugueses de diversos universos e registos encontram-se neste disco de tributo às canções de Tozé Brito. “Olá, tu por aqui?”, poderiam dizer uns aos outros

As canções mais populares de Tozé Brito, conhecemo-las noutras vozes. O músico, nascido em Ermesinde há 70 anos, foi também intérprete de muitas delas (por exemplo, com as bandas Green Windows e Gemini), mas ao longo da carreira soube reconhecer que as suas composições brilhavam mais noutras vozes.

Agora que o seu percurso é revisitado, nas 12 faixas de Tozé Brito (de) Novo, por músicos mais jovens, pode fazer-se um exercício: e se cada uma destas canções tivesse sido escrita para as vozes que agora as cantam? Esse é um cenário credível, mesmo quando certos temas denunciam mais a passagem do tempo e ostentam uma certa patine.

Tozé Brito (de) Novo ganhou forma a partir de uma ideia de Inês Meneses, que pensou neste disco como um presente pelo 70º aniversário de Tozé Brito, com quem acaba de se casar

A arte de fazer um bom disco de versões passa, sobretudo, pelo modo como os novos intérpretes dão algo de si (mais do que a voz, num sentido literal) aos originais. Ora, as canções de Tozé têm uma certa simplicidade e um imediatismo pop que facilita essa tarefa – um pouco no sentido em que, como dizia Serge Gainsbourg, uma canção tem menos de dois minutos para mostrar o que vale.

Logo a abrir, B Fachada e Benjamim apropriam-se na perfeição da icónica Olá, Então Como Vais?, que conhecíamos nas vozes de Paulo de Carvalho e do próprio Tozé Brito. Camané está magistral, como sempre, na interpretação de Retalhos da Vida de um Médico (com letra de Ary dos Santos, cantado originalmente por Carlos do Carmo). Samuel Úria faz de A Cor do Teu Baton (com que Herman José concorreu, em 1983, ao Festival da Canção) uma canção sua. Tiago Bettencourt dá o tom certo a Sábado à Tarde (do repertório de Paulo de Carvalho). Tomás Wallenstein, dos Capitão Fausto, está em sintonia completa com o imaginário de Tozé Brito interpretando um tema menos conhecido das Doce: Depois de Ti.

Ana Bacalhau e Mitó, Miguel Guedes e Rita Redshoes, Selma Uamusse (numa seguríssima interpretação de Papel Principal, hit de Adelaide Ferreira), Catarina Salinas, Joana Espadinha e António Zambujo completam o grupo de novos intérpretes destas velhas canções.

A coerência do disco, com músicos tão diferentes, deve-se muito à produção musical e aos arranjos a cargo de Benjamim e João Correia (que já tinha feito um trabalho notável, ao lado de B Fachada e Minta, no disco que, em 2013, revisitou todas as faixas d’Os Sobreviventes, de Sérgio Godinho).

Ouça aqui o tema Olá, Como Vais? por Benjamim e B Fachada

Para saber mais
NewsItem [
pubDate=2021-11-26 08:00:00.0
, url=https://visao.sapo.pt/visaose7e/livros-e-discos/2021-11-26-toze-brito-de-novo-renascimentos/
, host=visao.sapo.pt
, wordCount=440
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2021_11_26_1875156621_visao-toze-brito-de-novo-renascimentos
, topics=[homenagem, disco, tributo, livros e discos, tozé brito, visão sete]
, sections=[]
, score=0.000000]