pplware.sapo.ptpplware.sapo.pt - 25 nov. 11:02

OVNIs: Fenómenos inexplicáveis ​​obrigam o Pentágono a lançar nova investigação

OVNIs: Fenómenos inexplicáveis ​​obrigam o Pentágono a lançar nova investigação

O Departamento de Defesa dos Estados Unidos está a criar uma unidade para investigar objetos voadores não identificados (OVNIs)

Existem alguns eventos que não têm ainda explicação. Contudo, estes fenómenos estarão agora a preocupar o Pentágono. Segundo informações, o Departamento de Defesa dos Estados Unidos está a criar uma unidade para investigar objetos voadores não identificados (OVNIs). Isto porque há novos "avistamentos" misteriosos perto de áreas militares altamente sensíveis.

Esta decisão foi tomada pela vice-secretária de Defesa Kathleen Hicks e pelo diretor de inteligência nacional dos EUA.

OVNIs são uma preocupação para os Estados Unidos... quem estará por trás destes eventos?

Nos últimos tempos o fenómeno OVNI tem estado na ordem de trabalhos do Departamento de Defesa dos EUA. Existem vários avistamentos, situações com testemunhos credíveis ainda sem explicação. Assim, esta ordem aparece cinco meses depois de um relatório confidencial da inteligência dos EUA sobre possíveis OVNIs alienígenas ter sido inconclusivo.

Isto é, os eventos reportados não obtiveram explicação e alguns foram mesmo filmados por pilotos de caças perto de áreas de teste militar.

O novo departamento irá concentrar a sua atenção nos incidentes dentro ou perto das áreas designadas de "espaço aéreo de uso especial" (SUA) estritamente controladas e bloqueadas para a aviação geral devido a questões de segurança.

Serão tecnologias extraterrestres ou de inimigos dos EUA?

A posição lógica é que estas tecnologias possam estar a ser usadas por países rivais. Estes fenómenos aéreos não identificados (UAPs), que foram detetados por pilotos militares no passado, poderão representar uma ameaça e não há qualquer explicação científica para que possam ser entendidos.

Este novo departamento foi denominado Airborne Object Identification and Management Synchronization Group (AOIMSG), o sucessor da Task Force de Fenómenos Aéreos Não Identificados da Marinha dos EUA. A nova divisão será supervisionada por um painel de especialistas da comunidade militar e de inteligência.

Uma revisão oficial maioritariamente classificada dos relatórios OVNI divulgados em junho determinou que a maioria dos cerca de 120 incidentes nos últimos 20 anos pode ser explicada e não teve nada a ver com tecnologia desconhecida ou secreta dos EUA ou estrangeira.

Mas não conseguiram explicar alguns relatórios e vídeos cativantes feitos por pessoal militar.

No ano passado, o Pentágono divulgou um vídeo ainda inexplicável, tirado por pilotos da marinha, de objetos que se moviam a velocidades incríveis, girando e desaparecendo misteriosamente.

Pentagon declassifies three previously leaked top secret U.S. Navy videos of "unexplained aerial phenomena"—and that some believe could show UFOs. https://t.co/SgE0JDGtej pic.twitter.com/yhv8ZBDR0p

— ABC News (@ABC) April 27, 2020

O teste de julho da China de um veículo hipersónico de circunferência global que foi capaz de lançar um míssil separado enquanto viajava a mais de cinco vezes a velocidade do som alertou Washington de que Pequim poderia ter tecnologias que os Estados Unidos ainda não desenvolveram.

Leia também:

Não, já não é um OVNI, agora poderá ser um FANI

NewsItem [
pubDate=2021-11-25 11:02:58.0
, url=https://pplware.sapo.pt/ciencia/ovnis-fenomenos-inexplicaveis-​​obrigam-o-pentagono-a-lancar-nova-investigacao/
, host=pplware.sapo.pt
, wordCount=444
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2021_11_25_1877893664_ovnis-fenomenos-inexplicaveis-obrigam-o-pentagono-a-lancar-nova-investigacao
, topics=[eua, tecnologia, ovni, ciência]
, sections=[ciencia-tecnologia]
, score=0.000000]