observador.ptobservador.pt - 15 set 16:48

PS. Eduardo Vítor Rodrigues quer construir jardim botânico internacional em Gaia

PS. Eduardo Vítor Rodrigues quer construir jardim botânico internacional em Gaia

Eduardo Vítor Rodrigues quer construir um museu e jardim botânico internacional em Vila Nova de Gaia com 10 a 20 hectares de área útil, que será um "um espaço de referência na região".

O candidato do PS à Câmara de Vila Nova de Gaia Eduardo Vítor Rodrigues quer construir um museu e jardim botânico internacional — Gaia Terra Mãe, com 10 a 20 hectares de área útil e com possibilidade de alargamento.

O atual presidente do município, que se candidata a um terceiro mandato, disse esta quarta-feira à Lusa querer que este espaço verde seja “um espaço de referência na região”.

O Gaia Terra Mãe vai ter um “arboreto” com árvores e arbustos de espécies invulgares de todo o mundo, um bosque com espécies autóctones, uma horta e coleções nacionais de plantas aromáticas, medicinais, condimentares e alimentícias não convencionais, referiu.

Além disso, o jardim botânico terá prados floridos/lameiros, pomares com diferentes espécies frutícolas e áreas húmidas/lagos naturalizados para acolhimento de fauna e flora e projetos artísticos de land art (arte que visa promover a sustentabilidade), adiantou.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Toda a vegetação será georreferenciada e cada espécie terá informação gerida individualmente, sendo que o acesso virtual ao jardim será possível a partir de um ‘site’/’app’ criado para os visitantes, explicou o socialista Eduardo Vítor Rodrigues.

“Apenas serão colocadas placas de identificação fundamentais ou de obrigação legal, sendo que a restante informação, em diferentes idiomas, será obtida pelos visitantes com um telemóvel“, sublinhou.

O candidato do PS revelou que o equipamento deverá dispor de um edifício central administrativo, um museu botânico (história do espaço, imagens dos exemplares, biblioteca e banco de sementes), restaurante/casa de chá, salas para `workshops’, uma área de investigação/laboratório, um viveiro e uma loja para venda de todo o tipo de produtos do jardim.

A gestão do Gaia Terra Mãe será feita de forma sustentável com construção modular, instalação de painéis solares, produção de parte da energia necessária ao funcionamento e reaproveitamento da água da chuva e daquela utilizada nos edifícios para rega, vincou.

No contexto científico, Eduardo Vítor Rodrigues salientou que serão criadas parcerias com as universidades e instituições locais e nacionais para investigação e produção de conhecimento a partir das coleções botânicas presentes até à mesa.

“O equipamento contará, ainda, com uma ambiciosa agenda anual de eventos/formação do público em todo o tipo de workshops que visem promover um estilo de vida e alimentação mais saudáveis”, concluiu.

São candidatos à Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia Eduardo Vítor Rodrigues (PS), Vítor Marques (coligação Movimento por Gaia — MPT/PDR), Diana Ferreira (CDU), Renato Soeiro (BE), Alcides Couto (Chega), Cancela Moura (PSD/CDS-PP/PPM), Nuno Gomes de Oliveira (PAN), Orlando Monteiro da Silva (Iniciativa Liberal) e Ana Poças (Livre).

A Câmara de Vila Nova de Gaia é atualmente liderada pelo PS que conquistou, nas autárquicas de 2017, nove mandatos, sendo oposição no executivo o PSD com dois eleitos.

As eleições autárquicas estão marcadas para 26 de setembro.

Leia também: Leia também: Leia também: Leia também:
NewsItem [
pubDate=2021-09-15 15:48:47.0
, url=https://observador.pt/2021/09/15/ps-eduardo-vitor-rodrigues-quer-construir-jardim-botanico-internacional-em-gaia/
, host=observador.pt
, wordCount=553
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2021_09_15_614819431_ps-eduardo-vitor-rodrigues-quer-construir-jardim-botanico-internacional-em-gaia
, topics=[autárquicas 2021, ps, vila nova de gaia]
, sections=[]
, score=0.000000]