www.vidaeconomica.ptvidaeconomica.pt - 22 jul 20:14

Região da Guarda necessita de diferenciação positiva em termos fiscais

Região da Guarda necessita de diferenciação positiva em termos fiscais

As medidas fiscais aplicadas na região do interior são soltas, quando deveria existir uma perspetiva de médio prazo. “Haveria que apostar numa diferenciação positiva em termos de impostos. Nos territórios do interior têm de se verificar condições diferenciadoras”, alertou Orlando Faísca, presidente do Núcleo Empresarial da Região da Guarda (NERGA).
O responsável associativo afirma não compreender que uma região do interior, como é o caso da Guarda, tenha portagens mais caras do que determinadas zonas de Lisboa. “Afinal, temos de criar condições igualitárias relativamente a outras regiões do país. Não faz sentido termos custos logísticos excessivos que atrasam o desenvolvimento económico e que tornam ainda mais difícil a captação de investimento e de recursos humanos, como é o caso da população jovem mais qualificada.” Orlando Faísca admite que a associação tem desenvolvido esforços para garantir uma relação mais estreita com as instituições de ensino. Naturalmente, o NERGA vive para as empresas e pretende abranger toda a região da Guarda. Defende a necessidade de crias condições de atratividade para quem quer desenvolver projetos na região.
Orlando Faísca diz que é essencial alavancar o dinamismo da região por via do conhecimento e das exportações. É um facto que existem dois “clusters” mais desenvolvidos, o automóvel e a logística, mas “existem condições únicas para replicar essas áreas noutras atividades económicas da região da Guarda”. Há muito trabalho ainda por fazer. Como tal, o NERGA está a desenvolver um interface orientado para a oferta e a procura de trabalho. O que significa falar com as empresas para saber quais as suas necessidades e estabelecer pontes com as instituições de ensino. Por outro lado, está a ser desenvolvido um projeto para que os alunos experienciem o mercado de trabalho durante os períodos de férias, não só com vantagens para os estudantes, mas também para as empresas em termos de empregabilidade futura.
NewsItem [
pubDate=2021-07-22 19:14:44.0
, url=http://www.vidaeconomica.pt/vida-economica-1/publicacoes/edicao-num-1892-do-vida-economica-de-23072021/atualidade/regiao-da-guarda-necessita-de-diferenciacao-positiva-em-termos-fiscais
, host=www.vidaeconomica.pt
, wordCount=255
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2021_07_22_384202869_regiao-da-guarda-necessita-de-diferenciacao-positiva-em-termos-fiscais
, topics=[economia]
, sections=[economia, actualidade]
, score=0.000000]