www.publico.ptpublico@publico.pt - 22 jul 00:30

A crítica sem fundamento do provedor dos leitores do PÚBLICO

A crítica sem fundamento do provedor dos leitores do PÚBLICO

Não podemos deixar de lamentar que o provedor conclua que somos parciais sem que apresente uma só prova ou indício do que afirma.

Na crónica que publicou na última semana, o provedor dos leitores, José Manuel Barata-Feyo, faz juízos de intenção e críticas injustas sobre o nosso trabalho “Homicídio em Albufeira: a sentença que condenou de mais e de menos”. O que nos leva a esclarecer os leitores do PÚBLICO, depois de constatarmos, com surpresa, que o provedor não o tentou fazer, dispensando-se de ouvir o que teríamos a dizer sobre aquilo de que nos acusa.

NewsItem [
pubDate=2021-07-21 23:30:00.0
, url=https://www.publico.pt/2021/07/22/opiniao/opiniao/critica-fundamento-provedor-leitores-publico-1971249
, host=www.publico.pt
, wordCount=76
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2021_07_21_1469945080_a-critica-sem-fundamento-do-provedor-dos-leitores-do-publico
, topics=[opinião]
, sections=[opiniao]
, score=0.000000]