rr.sapo.ptrr.sapo.pt - 12 jun 01:24

Norberto Santos e o turismo do património

Norberto Santos e o turismo do património

Professor da Universidade de Coimbra analisa as tendências do turismo no 'novo normal' pós-pandémico.

Nas últimas semanas, o tema esteve todos os dias na primeira linha da atualidade: a gestão da lista verde do governo britânico retirou Portugal desse ‘salvo conduto’ turístico com as reações e consequências que todos sabemos.

Afinal é preciso recuar a 1995 para encontrar números semelhantes aos do setor de turismo em 2020. Antes, 2019 havia assinalado um recorde absoluto de 27 milhões de hóspedes e de crescimento de receitas.

Depois de um ano em que vários limites foram testados e toda a fileira do turismo foi posta à prova, hotéis, restaurantes, empresas e empreendedores, entidades regionais de turismo e autarquias, todos foram obrigados a adaptar-se a uma nova realidade e a preparar um futuro com esperança na retoma.

Afinal, Portugal continua autêntico, empenhado, resistente e principalmente de alta qualidade.

A retoma não se faz sem superar desafios que, dizem os especialistas, passam pelas tecnologias digitais, ferramentas indispensáveis para se chegar a mais pessoas e aumentar o grau de eficiência das empresas, mas também pela sustentabilidade, garantia de um melhor turismo para o planeta.

Para desenvolver pistas de um turismo assente nos pilares da sustentabilidade e da digitalização, mas também de caminhos mais tradicionais – ou até alternativos – o convidado deste Decidir Europa é , professor catedrático no Departamento de Geografia da Faculdade de Letras.

Enquanto geógrafo, Norberto Santos coordena no CEGOT, o Grupo 3 - voltado para a investigação do Turismo e Património Território.

NewsItem [
pubDate=2021-06-12 00:24:59.0
, url=https://rr.sapo.pt/2021/06/12/decidir-europa/norberto-santos-e-o-turismo-do-patrimonio/artigo/242286/
, host=rr.sapo.pt
, wordCount=231
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2021_06_12_11200522_norberto-santos-e-o-turismo-do-patrimonio
, topics=[informação, euranet]
, sections=[actualidade]
, score=0.000000]