pplware.sapo.ptpplware.sapo.pt - 4 mai 12:01

EUA: Vacina da Pfizer poderá ser autorizada para imunizar adolescentes dos 12 aos 15 anos

EUA: Vacina da Pfizer poderá ser autorizada para imunizar adolescentes dos 12 aos 15 anos

Pfizer refere que a vacinação de crianças é fundamental para aumentar o nível de imunidade da população e reduzir hospitalizações e mortes.

A Food and Drug Administration (FDA), a entidade reguladora dos medicamentos nos EUA, planeia autorizar o uso da vacina COVID-19 da Pfizer-BioNTech em adolescentes dos 12 aos 15 anos. Esta decisão poderá ser tomada no final desta semana ou no início da próxima semana, de acordo com informações do The New York Times.

A Pfizer refere que a vacinação de crianças é fundamental para aumentar o nível de imunidade da população e reduzir o número de hospitalizações e mortes.

Vacina para os adolescentes poderá ser autorizada em mais países

No passado dia 31 de março, a Pfizer anunciou que a vacina poderia proteger completamente adolescentes dos 12 aos 15 anos contra COVID-19. Esta afirmação resultou da avaliação de um pequeno ensaio clínico de Fase III. A vacina também foi bem tolerada na faixa etária, produzindo principalmente efeitos colaterais esperados.

Assim, no estudo que contou com 2.260 pessoas, 1.131 adolescentes, com idades entre 12 e 15, receberam a vacina, enquanto 1.129 receberam um placebo. Segundo a Pfizer, houve 18 casos de COVID-19 sintomático no estudo, todos no grupo que recebeu o placebo. O grupo vacinado pareceu produzir anticorpos neutralizantes em níveis mais elevados do que aqueles observados anteriormente em pessoas com idades entre 16 e os 25 anos.

Partilhamos a urgência de expandir a autorização da nossa vacina para uso em populações mais jovens e somos encorajados pelos dados dos ensaios clínicos de adolescentes com idades entre os 12 e os 15. Planeamos enviar estes dados à FDA como uma emenda proposta à nossa Autorização de Uso de Emergência nas próximas semanas e a outros reguladores em todo o mundo, com a esperança de começar a vacinar esta faixa etária antes do início do próximo ano letivo.

Disse Albert Bourla, CEO da Pfizer, num comunicado à imprensa.

A Pfizer e a BioNTech trabalham em ensaios clínicos com crianças de 6 meses aos 2 anos, 2 a 5 anos e 5 a 11 anos. A vacina Pfizer-BioNTech está atualmente autorizada apenas para uso em pessoas com 16 anos ou mais.

Conforme é referido, até agora, mais de 105 milhões de adultos nos Estados Unidos – cerca de 32% da população – foram totalmente vacinados contra COVID-19. Mais de 147 milhões – cerca de 44% – tomam pelo menos uma dose. Portugal já administrou mais de 3,3 milhões de vacinas contra a Covid-19.

Leia também:

CEO da Pfizer diz que poderá vir a ser necessária uma terceira dose da vacina

NewsItem [
pubDate=2021-05-04 11:01:58.0
, url=https://pplware.sapo.pt/ciencia/eua-vacina-da-pfizer-podera-ser-autorizada-para-imunizar-adolescentes-dos-12-aos-15-anos/
, host=pplware.sapo.pt
, wordCount=401
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2021_05_04_1418369943_eua-vacina-da-pfizer-podera-ser-autorizada-para-imunizar-adolescentes-dos-12-aos-15-anos
, topics=[tecnologia, vacina, adolescentes, covid-19, pfizer, ciência]
, sections=[ciencia-tecnologia]
, score=0.000000]