www.publico.ptjmtavares@outlook.com - 8 abr 00:00

Ser corrupto é fácil. Provar a corrupção é muito difícil

Ser corrupto é fácil. Provar a corrupção é muito difícil

Aquilo que Sócrates e Salgado fizeram está à vista de todos. A acusação do Ministério Público é muito sólida. Mas, num sistema com esta arquitectura, a balança da justiça pende sempre para o lado deles.

Imagine, caro leitor, esta situação hipotética: em 2007, Ricardo Salgado transferia da sua conta pessoal 20 milhões de euros para a conta pessoal do então primeiro-ministro José Sócrates. Esqueça os off-shores, a circulação do dinheiro, as empresas de fachada, os testas-de-ferro, e todo o aparato que está habitualmente envolvido neste tipo de processos. O cenário que proponho é o mais simples possível: um banqueiro transfere comprovadamente 20 milhões de euros para a conta de um primeiro-ministro, o primeiro-ministro fica com esse dinheiro e começa a utilizá-lo para os seus gastos pessoais. 

Mais do João Miguel Tavares
NewsItem [
pubDate=2021-04-07 23:00:01.0
, url=https://www.publico.pt/2021/04/08/opiniao/noticia/corrupto-facil-provar-corrupcao-dificil-1957556
, host=www.publico.pt
, wordCount=116
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2021_04_07_2038778917_ser-corrupto-e-facil-provar-a-corrupcao-e-muito-dificil
, topics=[opinião]
, sections=[opiniao]
, score=0.000000]