rr.sapo.ptrr.sapo.pt - 23 fev 23:49

Ordem dos Advogados assegura apoio a estrangeiros impedidos de entrar em Portugal

Ordem dos Advogados assegura apoio a estrangeiros impedidos de entrar em Portugal

Medida decorre do protocolo assinado em novembro passado pela Ordem dos Advogados, o Ministério da Justiça e o Ministério da Administração Interna.

A Ordem dos Advogados vai assegurar uma escala de advogados para prestar assistência jurídica a cidadãos estrangeiros que se vejam impedidos de entrar em território nacional.

A medida resulta de um protocolo assinado entre os advogados e os ministérios da Justiça e da Administração Interna, em novembro do ano, mas só entrará em vigor a partir de 8 de março, ou seja, um ano após a morte de Ihor Homenyuk, o cidadão ucraniano que morreu nas instalações do SEF do Aeroporto Humberto Delgado, depois de ter sido impedido de entrar em Portugal, para onde, alegadamente, viria trabalhar.

Em comunicado, a Ordem dos Advogados esclarece que “a escala de advogados será presencial no Aeroporto de Lisboa (em três turnos, 8/11h, 11/14h e 14/17h) e de prevenção, nos Aeroportos do Porto, Faro, Funchal, Porto Santo, Ponta Delgada e Lages”.

Com esta iniciativa, “a partir de 8 de março, qualquer cidadão estrangeiro a quem seja recusada a entrada em território nacional terá de ser obrigatoriamente informado, em língua que entenda, da possibilidade de poder ser assistido por um advogado português”, pode ler-se.

O arranque oficial das escalas contará com a presença do bastonário da Ordem dos Advogados, Luís Menezes Leitão.

NewsItem [
pubDate=2021-02-23 23:49:40.0
, url=https://rr.sapo.pt/2021/02/24/pais/ordem-dos-advogados-assegura-apoio-a-estrangeiros-impedidos-de-entrar-em-portugal/noticia/227944/
, host=rr.sapo.pt
, wordCount=193
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2021_02_23_390313486_ordem-dos-advogados-assegura-apoio-a-estrangeiros-impedidos-de-entrar-em-portugal
, topics=[informação, país]
, sections=[sociedade]
, score=0.000000]