www.vidaeconomica.ptvidaeconomica.pt - 14 jan 20:09

Mais de 8% da população ativa da Zona Euro sem emprego

Mais de 8% da população ativa da Zona Euro sem emprego

A taxa de desemprego da Zona Euro fixou-se em 8,3%, em novembro, menos uma décima do que no mês anterior. No conjunto da União Europeia, também houve um recuo de uma décima, para 7,5% da população ativa. A Espanha liderou o desemprego na Europa. A República Checa foi o Estado-Membro com a taxa mais baixa.
No passado mês de novembro, cerca de 15,93 milhões de pessoas estavam sem emprego na União Europeia, dos quais 13,6 milhões pertencentes à região da moeda única, de acordo com dados do Eurostat. Se relativamente a outubro houve descidas em ambos os casos, face a período homólogo do ano anterior, mais 1,8 milhões ficaram sem trabalho na Zona Euro e 1,4 milhões no conjunto da União Europeia. Entre os 27 Estados-Membros, os países com o desemprego mais elevado foram a Espanha (16,4%), a Grécia (16,1%) e a Lituânia (10,4%). Já aqueles com as taxas mais baixas foram a República Checa (2,9%), a Polónia (3,3%) e a Holanda (4%). Mais uma vez, o desemprego jovem foi o segmento com o desemprego mais alto, tendo mesmo aumentado relativamente ao mês precedente.
NewsItem [
pubDate=2021-01-14 20:09:34.0
, url=http://www.vidaeconomica.pt/vida-economica-1/publicacoes/edicao-num-1865-do-vida-economica-de-15012021/internacional/mais-de-8-da-populacao-ativa-da-zona-euro-sem-emprego
, host=www.vidaeconomica.pt
, wordCount=129
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2021_01_14_1423064341_mais-de-8-da-populacao-ativa-da-zona-euro-sem-emprego
, topics=[economia]
, sections=[economia, actualidade]
, score=0.000000]