visao.sapo.ptvisao.sapo.pt - 14 jan 23:08

Visão | Wall Street fecha em baixa na expetativa do plano de relançamento de Biden

Visão | Wall Street fecha em baixa na expetativa do plano de relançamento de Biden

A bolsa nova-iorquina fechou hoje em baixa ligeira, pouco antes de serem divulgados os detalhes do plano de relançamento económico de Joe Biden, mas depois das declarações do presidente da Reserva Federal (Fed), Jerome Powell

Os resultados definitivos da sessão indicam que o seletivo Dow Jones Industrial Average, depois de evoluir em terreno positivo durante a sessão, acabou a desvalorizar 0,22%, para os 30.991,52 pontos.

Também o tecnológico Nasdaq baixou 0,12% para as 13.112,64 unidades, enquanto o S&P500 perdeu 0,38%, para as 3.795,54.

“Os investidores estavam na expectativa do plano de relançamento” do presidente eleito, Joe Biden, que o deveria anunciar pouco depois do fecho dos mercados, indicou Karl Haeling, da LBBW.

Para sair da crise provocada pela pandemia, Biden prometeu um novo plano de relançamento, que vai contar com “biliões de dólares”. Esta prevista a sua apresentação para a noite de quinta-feira.

Os investidores efetuaram “uma rotação (de investimentos), posicionando-se nos títulos bancários, cíclicos ou energéticos, bem como em pequenas capitalizações, em detrimento da tecnologia”, acrescentou.

Os investidores também reagiram às declarações de Powell, durante uma conferência de imprensa.

“Ele repetiu que a Fed não ia subir as taxas de juro tão cedo, mesmo que se detetasse uma subida dos preços”, indicou Peter Cardillo, da Spartan Capital Securities.

Powell afirmou que a Fed “tinha outros instrumentos para usar”, como as compras de ativos, “sem mudar a política monetária”, salientou ainda Cardillo.

No mercado obrigacionista, o rendimento sobre os títulos do Tesouro, que evolui no sentido inverso do respetivo preço, subiu para 1,1275% dos 1,0832% da véspera.

Os grandes títulos do setor tecnológico evoluíram em baixa, como a Apple, que perdeu 1,51%, a Facebook (-2,38%), a Tesla (-1,10%) e a Amazon (-1,21%).

Os investidores reposicionaram-se no setor energético, enquanto as cotações do petróleo estão a subir, com a Chevron a avançar 2,40%.

RN//RBF

NewsItem [
pubDate=2021-01-14 23:08:03.0
, url=https://visao.sapo.pt/atualidade/mundo/2021-01-14-wall-street-fecha-em-baixa-na-expetativa-do-plano-de-relancamento-de-biden/
, host=visao.sapo.pt
, wordCount=257
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2021_01_14_1303582230_visao-wall-street-fecha-em-baixa-na-expetativa-do-plano-de-relancamento-de-biden
, topics=[estados unidos da américa, wall street, mundo]
, sections=[actualidade]
, score=0.000000]