expresso.ptexpresso.pt - 22 nov 18:51

Covid-19. Olhão é uma ‘ilha’ que resiste no Algarve

Covid-19. Olhão é uma ‘ilha’ que resiste no Algarve

Apesar de todos os concelhos vizinhos terem risco elevado, o município mantém incidência mais baixa. Pelo menos por agora

Rodeado por concelhos com alta incidência de novos casos de covid-19 por 100 mil habitantes, como Faro, Tavira e São Brás de Alportel, Olhão é uma ‘ilha’ que permanece fora da lista dos municípios sujeitos a medidas mais apertadas de controlo da pandemia. Um aspeto positivo que o próprio presidente da autarquia tem dificuldade em explicar. “Talvez por não termos um grande número de explorações agrícolas, com trabalhadores que vêm de fora, ou pelo respeito pelas regras e o cuidado que os olhanenses têm tido”, admite António Pina.

O autarca destaca ainda “o excelente trabalho que as IPSS do concelho” têm desenvolvido e as “campanhas de informação e sensibilização desenvolvidas pela Câmara junto dos munícipes”. Mas acaba até por recorrer à providência para explicar os números relativamente baixos de covid-19 em Olhão, que regista uma incidência de 194 casos por 100 mil habitantes, abaixo do patamar dos 240 que define o nível de risco elevado: “Os olhanenses são pessoas de fé e a Nossa Senhora dos Navegantes sempre nos protegeu.”

Este é um artigo do semanário Expresso. Clique AQUI para continuar a ler.

NewsItem [
pubDate=2020-11-22 18:51:49.0
, url=https://expresso.pt/sociedade/2020-11-22-Covid-19.-Olhao-e-uma-ilha-que-resiste-no-Algarve
, host=expresso.pt
, wordCount=181
, contentCount=1
, socialActionCount=0
, slug=2020_11_22_1081542424_covid-19-olhao-e-uma-ilha-que-resiste-no-algarve
, topics=[sociedade]
, sections=[sociedade]
, score=0.000000]