eco.sapo.pteco.sapo.pt - 17 set 12:25

Concorrência dá luz verde a compra da Prio pelo grupo espanhol DISA

Concorrência dá luz verde a compra da Prio pelo grupo espanhol DISA

Autoridade da Concorrência dá luz verde ao grupo DISA para comprar a Prio, com 247 postos de combustível em território nacional. Com esta compra, o grupo DISA torna-se o quarto maior operador no país.

A Autoridade da Concorrência (AdC) deu luz verde ao grupo DISA, representante da Shell no mercado ibérico, para comprar a Prio, com 247 postos de combustível em Portugal, um terminal de armazenamento e uma fábrica de biodiesel, em Aveiro.

A decisão de não oposição à operação de concentração, notificada em 28 de agosto pela DISA, foi tomada na terça-feira pelo Conselho de Administração da AdC, e publicada em aviso na sua página de internet.

Com esta compra, o grupo DISA torna-se o quarto maior operador em Portugal, com uma quota de mercado de 10%, atrás da Galp, da BP e da Repsol.

A operação de concentração, segundo o aviso da AdC, consiste na aquisição pela DISA do ‘controlo exclusivo’ da Prio, e suas subsidiárias, atualmente detidas pelo Fundo de Reestruturação Empresarial gerido e representado pela Oxy Capital – Sociedade Gestora de Fundos de Capital de Risco.

Foi em 21 de agosto que o grupo espanhol DISA e o fundo de investimento Oxy Capital anunciaram, em comunicado, ter chegado a acordo para a compra e venda da Prio, mas sem divulgarem o valor do negócio.

“A integração da Prio no Grupo DISA garante a continuidade de todas as atividades que a empresa portuguesa desenvolveu até à data, uma vez que a empresa espanhola assume os compromissos contratuais vigentes com todos os seus clientes e fornecedores”, afirmaram na altura em comunicado.

O grupo espanhol garantiu ainda a integração dos 700 trabalhadores das empresas portuguesas que agora adquire, passando a contar com uma equipa de 4.500 pessoas.

1
1