rr.sapo.ptrr.sapo.pt - 6 ago 20:42

Mais de 1.100 operacionais combatem cinco maiores fogos em Portugal

Mais de 1.100 operacionais combatem cinco maiores fogos em Portugal

Às 19h25, o incêndio com mais meios registava-se numa zona de mato em Sernancelhe, no distrito de Viseu.

Mais de 1.100 operacionais e 16 meios aéreos estão a combater esta quinta-feira à tarde os cinco maiores incêndios rurais em território continental, concentrados sobretudo na região Centro, de acordo com dados da Proteção Civil.

Segundo o site da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, pelas 19h00 estavam no terreno 1.115 operacionais das forças de socorro e segurança, 334 meios terrestres e um total de 16 meios aéreos a combater os cinco maiores incêndios.

Às 19h25, o incêndio com mais meios registava-se numa zona de mato em Sernancelhe, no distrito de Viseu, com 295 operacionais, 88 veículos e três meios aéreos e estava ativo desde as 12h02.

Em conferência de imprensa o comandante André Fernandes diz que espera que a noite facilite o domínio dos fogos.

"Estamos a espera da janela da oportunidade da noite, com a alteração das condições meteorológicas, nomeadamente a redução da velocidade do vento e aumento da humidade do ar, o que vai facilitar, e esperamos conseguir dominar estes incêndios durante a noite."

No Fundão, Castelo Branco, lavra um incêndio numa zona de povoamento florestal, desde cerca das 14h00, mobilizando 268 operacionais, 77 veículos e oito meios aéreos.

No distrito da Guarda, no concelho de Sabugal, um incêndio em mato lavra desde as 13h46, contando com 206 operacionais, 63 veículos e dois meios aéreos.

Em Porto de Mós, no distrito de Leiria, lavra um incêndio numa zona de mato, desde as 2h45, que mobiliza 193 operacionais, 60 veículos e um meio aéreo.

Já em Alijó, no distrito de Vila Real, estão 165 operacionais, 48 veículos e dois meios aéreos a tentar combater um incêndio que começou ao início da tarde.

[Notícia atualizada às 20h20]

1
1