rr.sapo.ptrr.sapo.pt - 6 ago 20:38

Volta à Polónia. Pedersen dedica etapa a Jakobsen

Volta à Polónia. Pedersen dedica etapa a Jakobsen

Fabio Jakobsen continua em “estado grave, mas estável”, após brutal queda na reta da meta na quarta-feira.

O dinamarquês Mads Pedersen (Trek) dedicou a vitória na segunda etapa da Volta à Polónia em bicicleta ao holandês Fabio Jakobsen, hospitalizado após uma queda arrepiante que o deixou em coma induzido.

“Dedico esta vitória a Jakobsen. Desejo-lhe uma recuperação rápida, espero que possa voltar a ter uma vida normal e regressar ao ciclismo”, disse Pedersen.

Jakobsen, de 23 anos, embateu nos separadores da reta final depois de um encosto do compatriota Dylan Groenewegen. Tem lesões graves na cabeça e no rosto, já foi operado mas continua em “estado grave, mas estável”, segundo os médicos.

O outro ciclista diretamente envolvido no acidente (para além de outros que caíram na sequência) foi Groenewegen, que já reagiu ao acidente.

“O que aconteceu foi terrível. Não consigo encontrar palavras para explicar o quão arrependido estou pelo que aconteceu a Jakobsen. Não consigo parar de pensar nele.”

Após a etapa desta quinta-feira, entre Opole e Zabrze, Pedersen assume a liderança com dois segundos de vantagem sobre o alemão Pascal Ackermann.

Rui Costa (UAE Team Emirates) foi o melhor português do dia (17). Rui Oliveira foi 34.º e Ivo Oliveira 142.º a 53 segundos do pelotão.

1
1