pplware.sapo.ptpplware.sapo.pt - 2 ago 12:00

Tesla: Baterias "2170" com aumento de 20% na densidade de energia

Tesla: Baterias "2170" com aumento de 20% na densidade de energia

A Panasonic revelou que as baterias '2170' da Tesla vão alcançar um aumento de 20% no que diz respeito à densidade de energia

O segmento da mobilidade elétrica continua a inovar face às limitações atuais. Apesar das evoluções, as baterias continuam a ser o “elemento mais fraco” tanto na sua capacidade como na sua longevidade. No entanto, há interessantes novidades a chegar nesta área.

Numa parceria com a Panasonic, as baterias que irão equipar os veículos Tesla irão ter um incremento de 20% na densidade de energia. Além disso, nos próximos anos a empresa japonesa terá baterias sem cobalto.

Tesla Model 3 com bateria de 90 kWh e autonomia para 650 km

A Panasonic revelou recentemente que as baterias ‘2170’ da Tesla produzidas na Gigafactory de Nevada vão alcançar um aumento de 20% no que diz respeito à densidade de energia (nos próximos cinco anos). Tal significa um maior desempenho que se traduzirá numa maior autonomia. Por exemplo, a Tesla pode construir um Model 3 com uma bateria de 90 kWh que ofereça um autonomia para 650 km. O interessante desta inovação é que além da maior capacidade da bateria, esta terá as mesmas dimensões e não contribuirá para um aumento do peso do carro.

A Panasonic irá produzir as células da bateria e a Tesla tem ajudado no desenvolvimento da química e, além disso, as instalações também são da empresa de Elon Musk. De referir que as duas empresas raramente comentam sobre o desenvolvimento e produção de baterias na Gigafactory Nevada – especialmente desde que se soube do projeto Roadrunner da Tesla.

Yasuaki Takamoto, executivo da Panasonic responsável pelos negócios de baterias da Tesla nos EUA, fez alguns comentários interessantes numa entrevista à Reuters:

A panasonic Corp tem planos para aumentar a densidade de energia das células de bateria “2170” que fornece à Tesla Inc em 20% nos proózimos cinco anos e pretende comercializar uma versão sem cobalto “em dois a três anos”

Por agora facilmente se percebe que a aposta da empresa de Musk passa por melhorar o desempenho das baterias a incluir nos seus veículos. De relembrara que com o Tesla model 3, o modelo de bateria 2170 veio substituir o 18650, tendo aumentado a sua capacidade que pode variar entre 5750 mAh a 6000mAh.

Leia também…

Tesla prepara-se para revolucionar as baterias dos seus carros elétricos muito em breve

1
1