pplware.sapo.ptpplware.sapo.pt - 1 ago 22:00

Apple Watch Series 6 pode ter um recurso vital para a era dos coronavírus

Apple Watch Series 6 pode ter um recurso vital para a era dos coronavírus

Vários indícios dão conta que a Apple terá já tudo pronto para ativar no Apple Watch Series 6 o oxímetro, o sensor para monitorizar o oxigénio no sangue.

Os próximos meses serão profícuos no que toca a novidades Apple. As últimas novidades, para lá do recorde de receitas no segundo trimestre, dizem-nos que haverá atrasos na entrega do iPhone 12. Contudo, na calha estão outros dispositivos que também serão apresentados até ao final do ano. O Apple Watch, series 6, é um deles e, ao que tudo indica, pode trazer um recurso vital para a era dos coronavírus.

A Apple supostamente vai incluir no seu smartwatch um sensor de monitorização do oxigénio no sangue.

Oxímetro no Apple Watch 6

A Apple quer que o seu Apple Watch 6 seja ainda mais determinante para vigiar a saúde e o bem-estar dos utilizadores. Como tal, e numa altura em que a COVID-19 tem provocado sintomas tão variados e arbitrários nos doentes, há indícios que são importantes vigiar. Conforme foi notado, os oxímetros de pulso começaram a sair das prateleiras das lojas nos primeiros dias da pandemia. Isto porque os baixos níveis de oxigénio no sangue podem ser um sinal da doença.

Provavelmente a empresa de Cupertino nem teria, no ano passado, a ideia de usar este recurso para ajudar na pandemia, mas pode ser um recurso importantíssimo.

De acordo com um relatório da DigiTimes, a Apple fez um acordo de produção com a ASE Technology, para o lançamento do Apple Watch Series 6, que se espera ser no final deste ano. Conforme foi percebido, o novo modelo do Apple Watch será o primeiro com um sensor de monitorização do oxigénio no sangue. Assim, as pessoas em vez de ter que comprar um dispositivo separado para verificar os seus níveis de oxigénio no sangue, basta verificar o Apple Watch Series 6.

Supostamente, o sensor de frequência cardíaca do Apple Watch possui hardware integrado para detetar a saturação de oxigénio no sangue. Mas até hoje esta funcionalidade nunca foi ativada.

Esta não é a primeira vez que se aflora a existência de um sensor de oxigénio no sangue no Apple Watch. Como devem estar lembrados, no início do ano foi encontrado código no iOS 14 beta que sugeria que a capacidade de ler os níveis de oxigénio no sangue estava no plano da gigante tecnológica.

Contudo, nenhuma menção ao recurso foi feita na WWDC 2020, onde o watchOS 7 foi anunciado. No entanto, há fontes a afirmar que a empresa de Cupertino estava à espera de ter a certeza do hardware que suporta o recurso antes de o publicitar.

Este recurso está já presente há algum tempo noutros smartwatches, como o Huawei Watch GT2 ou o  Galaxy Watch Active 2.

Leia também:

Apple Watch: watchOS 7 poderá detetar ataques de pânico nos utilizadores

1
1