rr.sapo.ptrr.sapo.pt - 29 jun 18:10

Covid-19 por concelho. Sintra regista 50 novos casos e Lisboa mantém primeira posição

Covid-19 por concelho. Sintra regista 50 novos casos e Lisboa mantém primeira posição

A região de Lisboa e Vale do Tejo reúne 85% dos novos casos nacionais. Dos 52 municípios que a compõem, apenas quatro permanecem livres de casos confirmados. Os dados da Direção-Geral da Saúde revelam a totalidade de notificações médicas no sistema SINAVE, mas deixam de fora notificações laboratoriais.

Veja também:

Dados divulgados esta segunda-feira, no boletim epidemiológico diário da Direção-Geral da Saúde (DGS), revelam que há 244 concelhos portugueses com, pelo menos, três casos confirmados de Covid-19.

Lisboa ocupa o topo da tabela com um total 3.453 infetados com o novo coronavírus, seguido de Sintra (2.614), Loures (1.812) e Amadora (1.649). Ao todo, 38 concelhos registam um aumento de casos.

Sintra (+50), Cascais (+36), Lisboa (+30), Loures (+21), Amadora (+21), Oeiras (+20) e Moita (+20) são os concelhos que registam o maior aumento de infeções, nas últimas 24 horas, segundo a lista da DGS.

Oito dos dez concelhos com mais casos novos estão na Área Metropolitana de Lisboa. Os outros dois são Faro e Albufeira, ambos do Algarve. O concelho do Porto mantém-se sem aumento de novos casos.

De acordo com o mesmo boletim, 37 concelhos registam, pelo menos, mais um caso confirmado de Covid-19 face ao dia anterior e 10 concelhos somam mais de mil infetados - Lisboa, Sintra, Loures, Amadora, Vila Nova de Gaia, Porto, Matosinhos, Braga, Odivelas e Gondomar.

Os dados da Direção-Geral da Saúde revelam a totalidade de notificações médicas no sistema SINAVE, mas deixam de fora notificações laboratoriais. O total do aumento dos concelhos divulgado esta segunda-feira (303) excede o número de casos positivos (266). O mesmo aconteceu no domingo.

À Renascença, a Direção-Geral da Saúde refere que "existem sempre acertos nos dados por concelhos, quer por atraso de notificação, quer por relocalização do utente em área de residência". O diretor do serviço de doenças infecciosas do Hospital Curry Cabral tinha já admitido, também em entrevista à Renascença, atrasos no registo dos dados no SINAVE.

Sabendo que a contabilização não será relativa ao total dos casos – nem acompanhará em simultâneo os dados reportados pelas autarquias - a DGS optou por disponibilizar apenas dados do SINAVE, sistema nacional de vigilância epidemiológica (91% do total de casos confirmados).

A região de Lisboa e Vale do Tejo (LVT) regista 85% dos novos casos nacionais. Apenas quatro concelhos - Constância, Ferreira do Zêzere, Sardoal e Vila Nova da Barquinha - permanecem livres de casos confirmados, em toda a região, que no seu total soma 52 municípios.

O número de vítimas mortais em Portugal devido ao novo coronavírus aumentou para 1.568 (mais quatro em 24 horas), anunciou a Direção-Geral de Saúde esta segunda-feira. Os casos confirmados aumentaram para 41.912. O boletim diário mostra que 27.205 pacientes recuperaram da doença (mais 139).

1
1