expresso.ptexpresso.pt - 23 mai 15:10

Vagas nos curso superiores de Medicina podem crescer até 15%

Vagas nos curso superiores de Medicina podem crescer até 15%

Cursos nas faculdades de Lisboa e do Porto ficam fora da possibilidade de aumento. Formações com notas de entrada mais altas vão voltar a poder abrir mais lugares. E ainda mais do que no ano passado: entre 15% a 25%. Estas são algumas das alterações que deverão constar do despacho de vagas para o próximo ano letivo, antecipa o ministro da Ciência e do Ensino Superior em entrevista ao Expresso

Há dois anos determinou a redução de vagas em Lisboa e Porto. No ano passado o critério baseou-se mais na atratividade e procura dos cursos. Como vai ser o despacho de vagas para 2020/2021?

Vai ser muito semelhante. O foco não será nas regiões, mas nas instituições de ensino e nos cursos. O grupo de trabalho que nomeei em 2019 para analisar a evolução do acesso e preparar o próximo concurso está a concluir o trabalho e o despacho das vagas será publicado na primeira semana de junho. A crescente incerteza associada à crise pandémica deve levar-nos a estimular a evolução do sistema com estabilidade. Por isso devem ser mantidas as regras de fixação de vagas já usadas no ano passado, com alterações pontuais.

Este é um artigo exclusivo. Se é assinante clique AQUI para continuar a ler. Para aceder a todos os conteúdos exclusivos do site do Expresso também pode usar o código que está na capa da revista E do Expresso.

Caso ainda não seja assinante, veja aqui as opções e os preços. Assim terá acesso a todos os nossos artigos.

1
1