expresso.ptRicardo Reis - 23 mai 11:11

A moral da ajuda

A moral da ajuda

Só se estende a mão a alguém que está dentro de água

Nos últimos dois meses, o Estado prestou auxílio a muitos sectores da economia. De início, a urgência levou a que isto fosse feito de forma indiscriminada, mas, nos últimos tempos e no futuro próximo, o Estado tem começado a impor condições sempre que empresta ou dá dinheiro. É legítimo e moral impor condições quando se ajuda quem está em dificuldades? A maioria das pessoas concordaria que seria imoral impor condições para dar a mão a uma pessoa que se afoga. Com tantas empresas à beira da falência, será também moral que o Estado imponha restrições ao pagamento de dividendos, aos salários dos administradores ou à emissão de CO2?

Este é um artigo exclusivo. Se é assinante clique AQUI para continuar a ler. Para aceder a todos os conteúdos exclusivos do site do Expresso também pode usar o código que está na capa da revista E do Expresso.

Caso ainda não seja assinante, veja aqui as opções e os preços. Assim terá acesso a todos os nossos artigos.

1
1