www.computerworld.com.ptcomputerworld.com.pt - 26 mar 00:36

5G da Ericsson vai potenciar a digitalização em Hong Kong

5G da Ericsson vai potenciar a digitalização em Hong Kong

A gigante sueca de telecomunicações foi escolhida para implementar a tecnologia de rede de acesso por rádio (RAN) e de núcleo.
@Jimmy Chan

A Ericsson a SmarTone, uma das fornecedoras de serviços de comunicação em Hong Kong, celebraram um contrato de cinco anos para a implementação do 5G em Hong Kong. A Ericsson é a única fornecedora da rede de 4G da SmarTone e manterá este papel como única fornecedora de 5G, prolongando a parceria de 28 anos existente entre as empresas.

Stephen Chauresponsável pela área de Tecnologia da SmarTone, afirma: “a SmarTone tem vindo a preparar-se, com a Ericsson, para a era do 5G em Hong Kong, desde janeiro de 2017, quando realizámos a primeira demonstração da tecnologia de 5G neste mercado. Em conjunto, a Ericsson e a SmarTone lideraram desenvolvimentos tecnológicos globais em termos de mobilidade e foram pioneiras diversas vezes através de ensaios conjuntos em fases iniciais, investigação partilhada e desenvolvimento colaborativo de produtos. Continuaremos a tirar proveito da nossa relação a longo prazo para construir uma rede de 5G robusta e de excelência em Hong Kong e proporcionar aos clientes uma experiência de rede de 5G da melhor qualidade. A SmarTone também se orgulha de desempenhar um papel fundamental para a transformação de Hong Kong numa cidade inteligente”.

A SmarTone será a primeira operadora em Hong Kong a implementar a Partilha de Espetro da Ericsson, uma tecnologia que permite a partilha dinâmica de espetro entre 4G e 5G e uma utilização mais eficiente do espetro existente e da infraestrutura existente do Sistema de Rádio da Ericsson para a implementação do 5G. Com esta tecnologia avançada, os clientes da SmarTone também poderão desfrutar de uma experiência de rede geral melhorada proporcionada pelo 5G.

Magnus Ewerbringresponsável pela área de Tecnologia da região da Ásia-Pacífico da Ericsson, explica: “com a Partilha de espetro da Ericsson, a SmarTone poderá alocar os seus ativos de espetro de forma mais eficiente e de acordo com as exigências de tráfego, recorrendo à sua infraestrutura existente. Tal assegura não só uma transição para o 5G mais fácil, mas também mais rápida”.

Este novo acordo inclui ainda o Núcleo de 5G de modo dual da Ericsson, o que permite à SmarTone lançar rapidamente serviços avançados e executar operações eficientes através de uma solução nativa na nuvem, combinando arquiteturas de núcleo de 5G e Evolved Packet Core (EPC). Tal permitirá à SmarTone obter mais valor comercial da sua própria rede. A Ericsson implementará também um aprovisionamento automático e uma garantia de serviço proporcionada por dados com o Ericsson Orchestrator e sistemas de gestão para simplificar operações.

Com as mais recentes capacidades de acesso por rádio potenciado pela inteligência artificial (IA), a rede da SmarTone também beneficiará de aprendizagem automática e de processamento em tempo real na banda de base. Tal permitirá à rede direcionar instantaneamente o utilizador final de 5G para as melhores células 5G, fornecendo uma melhor cobertura e uma experiência de 5G de qualidade superior. A rede pode ainda prever padrões de tráfego e ativar modos de suspensão inteligente de forma autónoma para antenas, de forma a reduzir a utilização de energia.

O 5G assinalará uma nova era de segurança de rede para a SmarTone. Durante décadas, a Ericsson aplicou recursos importantes na normalização e no desenvolvimento da infraestrutura de rede segura; esta geração mais recente de tecnologia móvel também será a mais segura.

 Por Computerworld Tags
1
1