Numa gruta na Herzegovina descobriu-se um bicho anfíbio chamado proteus anguinus que passou os últimos sete anos a fazer o que nós, o resto da criação, só sonhamos fazer: nada.