expresso.ptexpresso.pt - 4 dez 18:31

“Suborno” e “abuso de funções”. Impeachment contra Trump entrou no segundo capítulo

“Suborno” e “abuso de funções”. Impeachment contra Trump entrou no segundo capítulo

Democratas fecharam a acusação e escolheram os termos cirurgicamente. Republicanos prometem guerra. Votação dos artigos da destituição do presidente dos EUA está prevista para a próxima semana. E o julgamento arrancará já em janeiro, no Senado

O Comité de Assuntos Judiciais (CAJ) da Câmara dos Representantes reuniu-se esta quarta-feira vez pela primeira vez para apreciar os indícios, elencados já num relatório apresentado por responsáveis do Partido Democrata, de que o presidente dos Estados Unidos terá cometido uma série de crimes, entre eles “solicitação de suborno” e “abuso das funções de chefe de Estado”.

É o início do segundo capítulo da saga da destituição (“impeachment”) de Donald Trump, sob a orientação de Jerry Nadler, o congressista democrata de Nova Iorque, que recebe o testemunho do seu colega de Partido Adam Schiff, chefe do Comité de Serviços Secretos (CSS). “A celeridade deste processo evidencia que a oposição ao Presidente reforça energias a cada dia que passa”, afirma ao Expresso Akhil Amar, professor de Direito na Universidade de Yale e conselheiro do Congresso.

Este é um artigo exclusivo. Se é assinante clique AQUI para continuar a ler (também pode usar o código que está na capa da revista E do Expresso).

Torne-se assinante

1
1