desporto.sapo.ptdesporto.sapo.pt - 4 dez 22:07

Marco Silva sai goleado no dérbi de Merseyside com Liverpool e tem futuro em risco

Marco Silva sai goleado no dérbi de Merseyside com Liverpool e tem futuro em risco

Os 'toffies', com 14 pontos em 15 jogos, caíram para os lugares de despromoção. Liverpool com novo recorde de imbatibilidade: 32 jogos sem perder.

Uma primeira parte louca, com seis golos, permitiu ao Liverpool vencer o Everton por 5-2, em encontro da 15.ª jornada da Premier League. Os 'reds' venceram o 234.º dérbi de Merseyside e deixam Marco Silva em sérias dificuldades. Os 'toffies', com 14 pontos em 15 jogos, caíram para os lugares de despromoção. Só Watford com oito pontos e Norwich City com 11, estão em pior posição.

Este foi o 47.º jogo sem perder em casa por parte do Liverpool, que estabelece um novo recorde de imbatibilidade no clube: 32 jogos sem perder.

Depois de receber um voto de confiança da administração do Everton, este seria o jogo ideal para Marco Silva reganhar algum crédito junto dos adeptos. Se vencesse o dérbi da cidade de Liverpool, o treinador português voltava a ganhar algum 'oxigénio' no clube, numa época que está longe do esperado. Mas pela frente tinha o super Liverpool de Jurgen Klopp, equipa que lidera, de forma destacada, a Premier League, que ganhou 13 dos anteriores 14 jogos (empatou o outro).

A confiança do Liverpool é tanta que Klopp deu-se ao luxo de rodar a equipa, fazendo descansar Salah, Firmino e Henderson.

Na primeira parte assistiu-se a um festival de golos, cuja primeira 'nota' foi dada logo aos seis minutos peo belga Divock Origi, a passe de Sadio Mane. Quando o senegalês assistiu Xherdan Shaqiri para o 2-0 logo aos 17 minutos, Marco Silva percebeu que este não seria a sua noite.

O golo do central Michael Keane aos 21 minutos voltou a colocar os 'toffies' no jogo mas, dez minutos depois, Divock Origi aproveitou uma assistência do central Dejan Lovren para fazer o 3-1.

Sadio Mane, que tinha feito duas assistências, fez o 4-1 aos 45 (passe de Trent Alexander-Arnold) mas ainda no primeiro tempo, nos descontos, o brasileiro Richarlison reduziu para 4-2, num golo cem por cento canarinho: a assistência é do extremo Bernard.

No segundo tempo só tivemos um golo, de Georginio Wijnaldum, aos 90 minutos.

Mas oportunidades não faltaram. Sadio Mané teve duas grandes oportunidades, em que apareceu isolado perante Pickford mas não conseguiu marcar. Moise Kean podia ter reduzido para 4-3 antes do golo de Wijnaldum mas, isolado perante Adrian San Miguel, rematou para fora.

O Liverpool volta chega às 14 vitórias em 15 jogos na Premier League, soma 43 pontos, mais oito que o surpreendente Leicester, e mais 11 que o Manchester City. O Everton tem 14 pontos em 15 jogos e caiu para a zona de descida de divisão. Muito dificilmente a direção dos 'toffies' irá manter Marco Silva.

Esta foi a vitória número 100 de Jurgen Klopp no Liverpool, em apenas 159 jogos na Premier League. Apenas José Mourinho precisou de menos jogos (142) para chegar à centésima vitória no principal campeonato inglês de futebol.

1
1