expresso.ptexpresso.pt - 4 dez 20:55

Pensionista japonês ligou 24 mil vezes para a sua companhia telefónica a queixar-se

Pensionista japonês ligou 24 mil vezes para a sua companhia telefónica a queixar-se

Estava furioso por o seu telefone não captar transmissões de rádio, e aproveitava para insultar quem o atendia

Um pensionista japonês de 71 anos foi preso em Tóquio por fazer milhares de chamadas para a sua companhia telefónica a reclamar. Aparentemente, estava furioso por o seu telefone não captar transmissões de rádio, tendo ligado 411 vezes numa única semana. Ao longo de dois anos e meio as chamadas foram cerca de 24 mil.

Formalmente, a acusação que lhe fazem é de "obstrução fraudulenta da atividade de uma empresa". A companhia telefónica, a KDDI, diz que inicialmente não queria apresentar queixa, mas o pensionista estava a afetar o funcionamento normal do serviço. Além da insistência, o cliente insultava quem o atendia.

"Ele exigiu aos funcionários da KDDI que lhe fossem pedir desculpa por violarem o seu contrato. Também desligava repetidamente as chamadas logo a seguir a fazê-las", explicou a polícia de Tóquio. Milhares de chamadas foram feitas a partir de telefones públicos.

Alguns media têm descrito a história como mais uma manifestação dos efeitos que o envelhecimento acelerado da população está a ter na sociedade japonesa, referindo o aumento de acidentes na estrada e mesmo de agressões contra funcionários, nos transportes públicos e noutros serviços, além das implicações económicas e financeiras, que são muito vastas.

1
1