pplware.sapo.ptpplware.sapo.pt - 2 dez 23:01

Ryzen 9 3950X com 16 núcleos rebenta com stock no Japão

Ryzen 9 3950X com 16 núcleos rebenta com stock no Japão

No passado dia 25 de novembro, a AMD lançou no mercado 3 novas versões na 3.ª geração de processadores com arquitetura Zen 2, entre eles o Ryzen 9 3950X com 16 cores e 32 threads. Nesse mesmo dia, o processador foi colocado na prateleira de vários retalhistas em redor do mundo. O stock não foi suficiente.

No passado dia 25 de novembro, a AMD lançou no mercado 3 novas versões da 3.ª geração de processadores com arquitetura Zen 2, entre eles o Ryzen 9 3950X com 16 núcleos e 32 threads. Nesse mesmo dia, o processador foi colocado na prateleira de vários retalhistas ao redor do mundo. Contudo, o stock não foi suficiente para dar conta de tanta procura.

Desde então, que a disponibilidade do produto tem sido praticamente nula, estando completamente fora de stock para a maioria dos países europeus e nas maiores lojas de retalho dos EUA.

AMD Ryzen 9 3950X esgotou no Japão

A AMD aborda agora o mercado japonês, oficializando o lançamento no passado dia 30 de novembro. Tal como no resto do mundo, o stock disponível não foi suficiente para atender à procura. Como resultado, muitos dos entusiastas ficaram numa espera angustiante por mais unidades. Surpreendentemente, esta “febre AMD” não está localizada apenas na Europa e EUA, a epidemia é já mundial!

O bom momento da AMD

Conforme foi avançado, fazer a aquisição de um 3950X (bem como do 3960X e 3970X) representa uma tarefa herculea. Na verdade, é praticamente impossível encontrar um revendedor com este produto em stock. Atualmente, não existe ainda nenhum anúncio oficial com uma data prevista para a reposição de stocks, deixando muitos adeptos numa imposta e penosa espera.

No Japão, o processador foi oficialmente lançado no dia 30 de novembro. Os clientes foram obrigados a esperar em longas filas para assegurar a compra de um cupão de reserva.

Conforme relatado pela Akiba-pc.watch, as vendas estavam planeadas para terem início no dia 30 de novembro, tendo que cada comprador adquirir previamente um ticket de reserva e esperar na fila da respetiva loja. Posteriormente, e por ordem, era entregue o mais recente processador AM4 de 16 núcleos da AMD.

Segundo informações avançadas pelo site, houve inclusive alguns compradores que tentaram esperar na fila durante a noite, tendo sido proibida tal ação e sendo aconselhados que regressassem de novo durante a manhã.

O preço do processador não fez recuar os compradores

A afluência exibida pela comunidade japonesa foi enorme, e nem mesmo o preço estabelecido fez recuar os interessados. Este novo produto foi colocado no mercado nipónico com um preço recomendado de 100,000 Yen, aproximadamente 913 dólares.

Mesmo com uma diferença de mais de 150 dólares face ao preço estabelecido na data do lançamento americano, os processadores saíram como “pães quentes” e a procura não aparenta diminuir.

Os principais pontos de venda em Tóquio registaram números enormes de interessados. Tal como pode ser apreciado, houve filas com mais de 200 pessoas  para o bilhete de reserva. No momento de abertura da maioria das lojas, o stock completo de Ryzen 9 3950X do Japão estava já esgotado.

Em suma, o balanço da série Ryzen 3000 não aparenta abrandar e a prova disso é o total de vendas que a marca tem alcançado, conquistando o top 10 dos processadores mais vendidos pela Amazon e destituindo completamente a Intel do posto número um de fabricantes de CPU, pelo menos é isso que os números indicam.

1
1