www.publico.ptpublico.pt - 10 nov 10:54

Líder comunitário português tem o seu nome numa rua de Toronto

Líder comunitário português tem o seu nome numa rua de Toronto

António Lopes imigrou para o Canadá em 1966 com a sua família, tendo-se fixado na área da Gladstone Avenue, em Toronto. Autarquia expressa uma homenagem pelo seu trabalho comunitário.

A Câmara Municipal de Toronto atribuiu o nome de um português a uma via pública da cidade, numa homenagem a título póstumo “pelo seu contributo e impacto que teve na comunidade”, disse este sábado à agência Lusa uma fonte da autarquia.

“Demonstra a liderança e o impacto que (António Lopes) teve na comunidade e que continuará a ter. Infelizmente já não está connosco e quiseram reconhecer a sua contribuição”, afirmou à Lusa a vice-presidente da autarquia.

Ana Bailão falava este sábado durante a cerimónia de descerramento da placa da ‘António Lopes Lane’, que juntou dezenas de populares no local. A via está localizada junto ao Little Portugal de Toronto, na intersecção da Gladstone Avenue com a Northcole Avenue, entre as ruas Argyle e a Cross.

“É um reconhecimento pelo trabalho comunitário, pela comunidade em si, hoje estamos todos em festa porque ele contribuiu para o crescimento deste bairro. É isto que faz uma cidade boa e com comunidades fortes. Foi um reconhecimento também da cidade, porque foi aprovado em Assembleia Municipal”, sublinhou Ana Bailão.

António Lopes imigrou para o Canadá em 1966 com a sua família, tendo planeado inicialmente ir para Montreal, mas acabou por se fixar na área da Gladstone Avenue, em Toronto. Foi naquela área que viveu, tendo em 1967 adquirido uma residência, onde residiu até 2010, altura em que faleceu.

A família do homenageado mostrou-se “bastante honrada pelo reconhecimento” ao pioneiro da imigração oficial portuguesa para o Canadá em 1966, que “sempre teve orgulho em ser português e canadiano”.

“Começou o Programa de Línguas Internacionais na direcção escolar de Toronto. Assistimos sempre à escola portuguesa na Alexander Muir, foi um dos primeiros sócios da Associação Cultural do Minho. Sempre teve muito orgulho em ser português e canadiano”, descreveu a filha Cindy Lopes.

A designação do nome do líder comunitário português à via surgiu através de um processo de candidatura junto da câmara municipal visto que naquela área da Gladstone “muitas das ruas ainda não têm nomes designados”.

1
1