expresso.ptexpresso.pt - 10 nov 22:13

"Calar os pequenos partidos revela medo. É um desvio democrático", diz Marques Mendes

"Calar os pequenos partidos revela medo. É um desvio democrático", diz Marques Mendes

Comentador da SIC afirma a decisão do PS, PCP e BE de impedir o Chega!, Iniciativa Liberal e Livre de falarem nos debates quinzenais foi leviana e insensata, além de uma hipocrisia após o precedente aberto para o PAN intervir, na anterior legislatura

Luís Marques Mendes arrasou, este domingo, na SIC a decisão dos partidos da esquerda de não deixarem os pequenos com deputados únicos intervirem nos debates quinzenais com o primeiro-ministro, que terá lugar já na próxima semana. Além de se estar perante “um desvio democrático”, o comentador político diz que o que aconteceu, esta semana, na Assembleia da República, tendo por justificação uma questão regimentar, “é uma desculpa de mau pagador”, aludindo ao precedente aberto na anterior legislatura de deixar falar o deputado André Silva, do PAN.

“Houve uma exceção para o PAN porquê e não para o Chega!, IL e Livre?”, questionou, respondendo que o impedimento revela “falta de respeito pela democracia e medo”. “Há medo do contraditório”, acrescenta Marques Mendes, advertindo que os portugueses elegeram os três pequenos partidos para terem voz na Assembleia da República.

Fazer o contrário é uma “prepotência e hipocrisia”, referiu ainda. Defende que a decisão seja revista de imediato, antes de concluir que “é assim que o populismo cresce e o Chega! sobe”

1
1