www.publico.ptpublico.pt - 8 nov 21:43

Korobov vence em Bucareste

Korobov vence em Bucareste

Ucraniano foi o grande triunfador na primeira fase do Grand Chess Tour na capital romena.

O ucraniano Anton Korobov foi o grande vencedor da primeira fase do Grand Chess Tour de Bucareste, terminando as nove rondas da prova com doze pontos dos 18 possíveis, mais dois que os segundos classificados, o holandês Anish Giri, o arménio Aronian e Mamediarov do Azerbaijão. Foi uma notável proeza do ucraniano, que apenas participava nesta prova como convidado especial, não fazendo parte do lote dos 12 xadrezistas que lutam pela conquista do Tour, e era o jogador com pior ranking entre os dez participantes. 

Esta fase foi disputada no ritmo de 25 minutos, para a totalidade da partida, com um adiamento de dez segundos por cada lance efectuado, e Korobov demonstrou que, neste ritmo, em nada é inferior aos seus cotados opositores. O indiano Anand e o russo Karjakin partilham a 5ª posição, seguindo-se Caruana (EUA), Artemiev (Rússia) e Liem (Vietname), com 8 pontos, encerrando a classificação Wesley So (EUA) com apenas 6 pontos. Neste fim-de-semana, realiza-se a fase de partidas relâmpago, com mais 18 pontos em jogo, em que cada jogador só dispõe de cinco minutos para toda a partida, com um adiamento de dois segundos por movimento.

Entretanto em Hamburgo, Alemanha, está a realizar-se a terceira das quatro provas que integram a série Grand Prix, cujo vencedor se qualificará para o torneio de candidatos, a antecâmara da luta pelo título mundial absoluto. Na primeira eliminatória três grandes surpresas: a queda do líder do evento, o russo Ian Nepomniachtchi, afastado pelo jovem polaco Jan-Krzysztof Duda, a eliminação de Hikaru Nakamura (EUA) pelo veterano Veselin Topalov (Bulgária) e a proeza do russo Danil Dubov que derrotou Teimour Radjabov, do Azerbaijão, o recente vencedor da Taça do Mundo. Nos encontros dos quartos de final apenas se registou um resultado decisivo na primeira partida dos minimatchs, com a vitória do francês Lagrave sobre Topalov, tendo-se registado empates nos confrontos entre Grischuk (Rússia)- Navara (R. Checa), Dubov (Rússia)- Svidler (Rússia) e Yu Yangyi (China)- Duda (Polónia).

1
1