www.publico.ptpublico.pt - 8 nov 18:51

Bruno Lage: “Levo 20 anos a pensar pela minha cabeça”

Bruno Lage: “Levo 20 anos a pensar pela minha cabeça”

Treinador do Benfica quer sair dos Açores em condições de manter a liderança na Liga.

O treinador Bruno Lage acredita que o Benfica vai regressar às vitórias frente ao Santa Clara, na 11.ª jornada da I Liga portuguesa, para consolidar a liderança e superar a derrota de Lyon, na Liga dos Campeões.

“O nosso objectivo é sair dos Açores em primeiro lugar. Vamos jogar frente a uma grande equipa, bem trabalhada, que tem feito um bom início de época, a praticar bom futebol, com os pontos que lhe dão a tranquilidade necessária. Do nosso lado, temos de estar preparados para todas as eventualidades, fazer um bom jogo, uma boa exibição e trazer os três pontos”, afirmou o treinador encarnado.

Numa conferência de imprensa dominada pelo mau desempenho europeu dos “encarnados” - tem uma vitória em quatro jogos na Champions e ocupa o último lugar do grupo -, Bruno Lage sublinhou que não trabalha “a olhar para trás”, nem se desviará da estratégia assumida pelo clube.

“Se a cada desaire tivermos de mudar o clube, nunca teremos nada preparado. Há muitos anos dizia-se que era muito difícil vencer em Portugal com uma equipa da formação e nós conseguimos isso. Temos de ter a capacidade de ter épocas europeias à dimensão do clube e acredito que com uma situação financeira estável, como o Benfica agora tem, teremos capacidade de segurar os jogadores e vamos ser mais fortes”, observou Laje.

Ainda sobre as críticas de que a equipa foi alvo após o jogo em França, onde perdeu por 3-1, e sobre as escolhas para o “onze”, no qual não estiveram o médio Pizzi e o defesa André Almeida, Bruno Lage frisou que “são opções técnicas”.

“O importante é encerrar esse jogo e partir para outro, escolhendo o melhor onze. Levo vinte anos a pensar pela minha cabeça”, afirmou. Sobre a lesão do defesa Ferro, que teve de ser substituído após choque com Vlachodimos e Dembelé, o técnico campeão nacional revelou que o central integrará a comitiva.

“O Ferro vai seguir viagem. Foi mais o susto, mas vamos perceber em que condições está. Se estiver a cem por cento, poderá jogar. Caso contrário, temos Jardel”, explicou o técnico.

O Benfica é líder da I Liga, com 27 pontos, e actua este sábado às 18h (17h nos Açores), no Estádio de São Miguel, frente ao Santa Clara, oitavo colocado, com 13 pontos, em jogo da 11.ª jornada da prova.

1
1