www.publico.ptpublico@publico.pt - 10 out 15:21

Por um PSD capaz de abrir caminho ao futuro dos portugueses

Por um PSD capaz de abrir caminho ao futuro dos portugueses

Quanto a esse futuro, apoiarei o eng. Miguel Pinto Luz na sua candidatura à liderança do PSD. É alguém que representa a qualidade das novas gerações do PSD e, por causa dela, trará soluções diferentes para os desafios de hoje.

O PSD vive um momento difícil. Não foram apenas os resultados eleitorais recentes que nos trouxeram aqui, mas também as divisões internas e a ausência de uma mensagem política clara, capaz de mobilizar. Mas sei que este momento é passageiro.

Com a mesma humildade que celebramos as vitórias, devemos reconhecer as derrotas. É preciso que nos lembremos de que o PSD é mais forte quando está unido. E os portugueses precisam (e merecem) desse PSD forte, porque foi o mesmo que, no passado, liderou reformas importantes e ajudou a construir a nossa democracia. Ora, essa democracia está a mudar, com expressão eleitoral em novos partidos. O PSD deve posicionar-se já neste cenário, de olhos postos no futuro.

Sim, o futuro exige novos protagonistas e Miguel Pinto Luz traz essa renovação. Tem um percurso internacional que o distingue e uma experiência autárquica inovadora, um trunfo nos próximos combates eleitorais. Como autarca, trabalha em áreas que são centrais para Portugal, do turismo ao empreendedorismo, ele que também desempenhou cargos no partido a nível nacional. De resto, na sua intervenção política, tem sabido atualizar os valores de Sá Carneiro à medida dos nossos tempos.

É isso que se espera do PSD.

Precisamos de alguém com visão de mundo, para abrir caminho ao futuro dos portugueses.

Precisamos de um presidente determinado, para mostrar que podemos quebrar as condicionantes ideológicas que são, por vezes, amarras a um tempo que já passou.

Precisamos de um líder com uma visão precisa e clara do que acredita que Portugal deve e pode ser.

Precisamos de um PSD inovador, para concretizar a justiça social dos nossos dias e assegurar iguais oportunidades, hoje e amanhã.

Acredito que o eng. Miguel Pinto Luz conseguirá trazer essa agenda ao partido, contando com as boas ideias de todos os que quiserem participar. Disse ele, no 37.º Congresso, que a nossa ideologia é a vida das pessoas. Esse é um olhar novo na política e começa de dentro, regressando ao que o PSD tem de melhor – as suas bases.

1
1