tek.sapo.pttek.sapo.pt - 9 out 17:04

Nokia reforça investimento no 5G e declara cerca de 2.000 patentes

Nokia reforça investimento no 5G e declara cerca de 2.000 patentes

A fabricante finlandesa pretende estar na linha da frente na quinta geração mobile, mantendo aposta na investigação e desenvolvimento de tecnologia.

Quando há um ano a Nokia anunciou a sua estratégia da aposta no 5G, revelou que obteve um empréstimo de 500 milhões de euros do Banco de Investimento Europeu, a fim de acelerar a investigação e desenvolvimento da quinta geração móvel. O empréstimo concedido reforçou a confiança da Comissão Europeia na fabricante finlandesa, referindo que a empresa cobre todas as necessidades a uma operadora que necessite oferecer os serviços 5G. Na bagagem a fabricante levava a sua rede de rádio, protocolo de internet, redes óticas de transmissão, plataformas de serviços e software, colocando-a numa posição confortável para o arranque da quinta geração móvel.

A empresa apresentou agora cerca de 2.000 declarações de patentes 5G, com vista na estratégia de criar tecnologia standard para o 5G. A empresa explica em comunicado que o processo de estandardização do 5G é gerido pela 3GPP, uma parceria de sete organizações focadas em criar as especificações da tecnologia, reunindo as melhores contribuições dos investigadores. A Nokia afirma que teve um papel determinante no primeiro conjunto do standard interoperacional do 5G, o chamado “release 15”, e já se encontra na próxima fase, a preparar o “release 16”.

A Nokia refere que o protocolo standard do 5G pode ser facilmente implementado e de forma rápida. A empresa acredita que nesta fase inicial a tecnologia irá beneficiar os consumidores, mas à medida que a arquitetura das redes for sendo desenvolvida, o foco será transferido para a área empresarial, contribuindo para a chamada quarta revolução industrial, ou abreviado, Indústria 4.0.

No portfolio de patentes declaradas, inventadas no laboratório da Nokia Bell Labs, na Dinamarca, relacionadas com o 5G, a empresa destaca uma invenção que providencia recursos de rede para os smartphones, equipamentos industriais e outros aparelhos com uma menor latência, aumento de fiabilidade e uma maior taxa de transferência.

Apesar do marco das 2.000 patentes declaradas relacionadas com o 5G, a empresa não revelou quantas foram efetivamente aceites. Tome-se por exemplo dados de julho, quando a Nokia tinha 1.516 patentes declaradas, dessas 1.484 foram submetidas às entidades competentes e apenas 1.134 tinham sido garantidas. Na mesma altura, a Huawei surgia em primeiro lugar, com 2.160 patentes declaradas, 1.545 submetidas, mas apenas 608 foram concedidas, quase metade da fabricante finlandesa, segundo um estudo da IPlytics GmbH, sobre a corrida às patentes 5G. Realce-se o domínio chinês, somadas as patentes da Huawei e ZTE, seguindo-se as sul-coreanas LG e Samsung. A representação dos Estados Unidos, a Qualcomm, apenas surge em sétimo lugar, com 921 patentes declaradas e 536 atribuídas.

Newsletter Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email. Na sua rede favorita Siga-nos na sua rede favorita.
1
1