pplware.sapo.ptpplware.sapo.pt - 9 out 16:30

Twitter usa dados de segurança dos utilizadores para efeitos de publicidade

Twitter usa dados de segurança dos utilizadores para efeitos de publicidade

No que toca a questões de segurança e privacidade dos utilizadores, a rede social que se destaca pela negativa costuma ser o Facebook. Contudo, desta vez foi o Twitter que usou dados de segurança dos utilizadores para efeitos de publicidade.

Este uso indevido dos dados e informações dos utilizadores da plataforma foi confirmado pelo próprio Twitter, que lamentou a situação. A empresa garantiu ainda que não vai cometer novamente o erro, que pode ter colocado em causa os dados pessoais de milhões de utilizadores.

O tratamento que as redes sociais dão aos dados dos utilizadores tem sido um dos temas quentes nos últimos tempos, especialmente depois do escândalo da Cambridge Analytica que envolveu o Facebook!

Estas plataformas reúnem inúmeras informações dos consumidores e da sua atividade online. Assim, é importante que tal informação esteja bem segmentada e protegida de modo a garantir a segurança da comunidade.

O mais recente caso vem do Twitter. A rede social do pássaro azul anunciou, numa publicação feita no seu blog, que foi incompetente na proteção dos dados da sua comunidade… O pior, é que se tratavam de dados usados para efeitos de segurança!

Mais especificamente, o que sucedeu foi que não houve a devida divisão das informações dos utilizadores. Ou seja, os dados de segurança que são fornecidos para autenticação e segurança (e-mail, número de telefone, etc.) foram usados para efeitos de publicidade endereçada! Desse modo, a publicidade era direcionada de forma mais concreta para o público-alvo que o anunciante pretendia alcançar.

Não obstante, não deviam ter sido usadas informações indevidas para este tipo de serviço. Os dados que os utilizadores forneceram eram para autenticação e era nesse molde que deviam ter sido mantidos. A empresa já pediu desculpa, mas não adiantou quantos consumidores foram afetados.

Segundo o comunicado, o erro foi corrigido no passado dia 17 de setembro. O Twitter adiantou ainda que fará todos os esforços para que esta situação não ocorra novamente no futuro.

Já não é a primeira vez que o Twitter erra na proteção das informações de segurança

Bug no Twitter leva a recomendação para utilizadores trocarem a password

1
1