expresso.ptexpresso.pt - 13 set 13:05

Não era solário nem “bons genes”. Afinal, Trump diz que parece laranja por causa das lâmpadas economizadoras

Não era solário nem “bons genes”. Afinal, Trump diz que parece laranja por causa das lâmpadas economizadoras

“As lâmpadas que estamos obrigados a usar”, começou por dizer, “em primeiro lugar para mim, o mais importante, a luz não é boa e pareço sempre laranja. E vocês também. A luz é a pior. Mas, em segundo lugar, é muitas vezes mais cara do que a antiga lâmpada incandescente que funcionava tão bem”

Basta viajar até ao mundo encantado do Google, escrever “trump orange” e concluir que, sim senhor, é um tema. Resultados: “Why is Donald Trump’s skin so orange?”, “Why is Donald Trump’s skin orange?”, “7 theories on why Donald Trump has orange skin”, “Donald Trump’s orange face may be funny, but this tanning historian says it masks something deeper”, “How does Trump maintain his orange glow?”...

E continua.

Os tons de pele e cabelo do 45.º Presidente dos Estados Unidos costumam ser mais piada do que outra coisa. Ou até arma de arremesso, numa tentativa de diminuir a figura. O tema multiplica-se pelos jornais, redes sociais, por todo o lado. Mas chegou o dia: Donald Trump ofereceu finalmente o seu lado da história, num jantar do Partido Republicano, na quinta-feira à noite, marcada por um debate democrata (ver AQUI). E queixou-se das lâmpadas economizadoras.

.

Ver Twitter

Trump mostrou ainda outras preocupações ambientais: “Não sei se vocês sabem, elas têm avisos. Se se partirem, são consideradas como resíduo perigoso. Têm gases lá dentro”.

Durante os seus mandatos, George W. Bush e Barack Obama implementaram algumas medidas para promover a eficiência energética, nomeadamente no que toca às lâmpadas usadas, algo que Donald Trump está focado em reverter, anunciou aquela administração no início do mês. De acordo com a ABC, o Departamento de Energia norte-americano vai revogar um pacote promulgado por Obama que exigia um maior número de lâmpadas amigas do ambiente. Essa medida, que foi um upgrade de outra medida de Bush, deixará de estar em vigor no primeiro dia de 2020.

De acordo com a Columbia Law School, o Governo de Trump já terá revertido, ou mostrado essa intenção, 125 regras de proteção ao meio ambiente desde que tomou posse, conta este artigo do jornal “O Globo”. A maior parte dessas regras com ordem de marcha-atrás diziam respeito a restrições na indústria dos combustíveis fósseis.

Voltemos ao tom de pele de Trump. O “The New York Times” escreveu, em fevereiro, que uma fonte revelou que aquela cor era consequência dos “bons genes”, negando portanto as insinuações que diziam que se tratava de bronzeado falso. Agora, segundo o próprio, parece que estará relacionado com a qualidade das lâmpadas.

1
1