eco.sapo.pteco.sapo.pt - 13 set 16:05

Bolsa de Londres rejeita proposta da bolsa de Hong Kong

Bolsa de Londres rejeita proposta da bolsa de Hong Kong

A Hong Kong Exchanges and Clearing fez uma proposta ao London Stock Exchange no valor de 33 mil milhões de euros, mas foi rejeitada. A decisão foi tomada por existirem "falhas fundamentais" na oferta.

Dois dias depois de a bolsa de chinesa Hong Kong Exchanges and Clearing (HKEX) ter apresentado uma oferta surpresa à London Stock Exchange (LSE) para comprar a bolsa de Londres, no valor de 33 mil milhões de euros, a oferta foi recusada. Em comunicado, a bolsa londrina justifica a decisão por ter detetado “falhas fundamentais” na proposta.

Segundo aponta a LSEG, na nota de imprensa divulgada no seu site, a proposta de aquisição era “preliminar e altamente condicional”, apresentado diversas falhas no que toca à “estratégia, concretização, modelo e valor”. No documento, apesar de reconhecer as “oportunidades na China”, a bolsa de Londres acrescenta que esta oferta não é a melhor forma para “estabelecer um posicionamento a longo-prazo na Ásia”.

Entre os pontos referidos pelo grupo londrino para recusar a oferta está a relação com o Governo de Hong Kong que, de acordo com a perspetiva da LSE, poderia “colocar em causa certos assuntos”. Além disso, o grupo considera que o processo de aquisição seria “bastante exaustivo”, acrescentando que o “suporte dos partidos relevantes, vitais para a transação, é altamente incerto”, o que “seria um risco” para os acionistas.

Em comunicado a bolsa de valores londrina, assegura ainda que as negociações da compra da Refinitiv, fornecedora global de dados e infraestruturas de mercados financeiros, está no bom caminho e que caso esta transação acontecesse poderia colocar em causa o negócio de compra. O grupo conclui que a aquisição da Refinitiv trará mais benefícios do que aceitar a proposta asiática.

Em 2012, a HKEX já tinha comprado a London Metal Exchange por 1,4 mil milhões de libras (1,57 mil milhões de euros). Mais recentemente, no final de junho, a Euronext concluiu a compra da bolsa da Noruega — Oslo Børs.

1
1