www.publico.ptpublico.pt - 11 set 17:08

Uma viagem ao universo de Prince no ArrábidaShopping

Uma viagem ao universo de Prince no ArrábidaShopping

A exposição Prince: As Never Seen Before reúne 50 fotografias inéditas do músico de Minneapolis, obra de Steve Parke, antigo director artístico de Paisley Park. A inauguração esta quinta-feira, no ArrábidaShopping, contempla um “conversa cantada” co

Será Prince a ganhar expressão perante nós. Prince como nunca antes visto, como diz o título original, Prince: As Never Seen Before. Assim se intitula a exposição que inaugura esta quinta-feira no ArrábidaShopping, em Vila Nova de Gaia, onde estarão patentes cerca de cinco dezenas de fotos raras ou inéditas da autoria de Steve Parke, director de arte do músico ao longo de 13 anos. A exposição conta com co-curadoria de Ana Moura, que protagonizará no dia da inauguração, às 21h, uma “conversa cantada” à volta do génio musical de quem a fadista foi amiga próxima.

Com a inauguração marcada para as 18h30, a exposição, que estará patente até 2 de Novembro, alargar-se-á a outros domínios para além da fotografia. O dia da inauguração será disso um bom exemplo. Além das imagens, o público terá acesso à “conversa cantada” de Ana Moura, bem como, depois dela, à projecção nos cinemas do espaço comercial de Purple Rain, o filme protagonizado por Prince em 1984 cuja banda-sonora é também um dos seus álbuns mais célebres. Antes, às 19h30, a livraria Almedina acolherá o lançamento em Portugal de Picturing Prince: An Intimate Portrait by Steve Parke, com a presença do autor.

As fotografias que compõem a exposição recuam aos anos 1990 de Prince e, segundo a curadora Cristina Carillo de Albornoz, crítica de arte e colaboradora da Iconic Images, a agência de gestão de arquivos fotográficos que é parceira do ArrábidaShopping em Prince: As never seen before, revelam “o lado mais íntimo e sedutor do lendário músico de Minneapolis: criativo, brincalhão, irreverente, extrovertido, mas também terno e um génio introspectivo”, lê-se em comunicado enviado à imprensa.

O fotógrafo americano Steve Parke, sedeado em Baltimore, tem no currículo trabalho desenvolvido com Bob Dylan, Grateful Dead, Iggy Pop, Bon Jovi, AC/DC ou David Bowie (alvo o ano passado da exposição Iconic Bowie, também no Arrábida Shopping). Porém, é o trabalho com Prince que mais se destaca no seu percurso. Entre 1988 e 2001, Parke colaborou de forma próxima com o autor de Kiss, registando-o na intimidade, mas criando também capas de álbuns, design de guitarras e de material promocional e, naturalmente, fotos de promoção. Em 1993 foi mesmo nomeado Director de Arte de Paisley Park, o complexo residencial e estúdio que foi o centro do universo de Prince até à sua morte, em Abril de 2016. Os seus trabalhos com Prince foram publicados em revistas como a Rolling Stone ou a Vogue e podem ser vistos, por exemplo, no livro Prince 1958-2016: Stories from the Purple Underground, de Mobeen Azhar.

1
1