www.publico.ptpublico.pt - 13 jul 10:50

Uma aparição no Nos Alive, Grace Jones de seu nome

Uma aparição no Nos Alive, Grace Jones de seu nome

Terá sido um dos dias menos concorridos na nossa memória do Nos Alive, mas foi um dia para a história. Não pelo concerto irrepreensível dos Vampire Weekend, não certamente pelos ilusionistas Greta Von Fleet. Sexta-feira foi o dia da grande surpresa.

Não chegámos no tempo certo, ou seja, no início, porque a segunda coisa mais interessante do dia estava a acontecer no palco principal. Quando deixámos os Vampire Weekend, Ezra Koenig oferecia a sua voz límpida e delicada ao Jokerman que Dylan gravou em 1983 com o seu timbre rasgado e nasalado. Estava quase a chegar ao fim o concerto irrepreensível da banda que, seis anos depois de actuar, no mesmo festival, numa tenda lotada, se apresentava como cabeça de cartaz do segundo dia do Nos Alive, tocando os clássicos e as novidades do recente Father of the Bride sob um globo terrestre que é boa representação da universalidade que pretende para a sua música.

1
1