www.dinheirovivo.ptdinheirovivo.pt - 11 jul 21:00

Dinheiro Vivo há quatro meses líder digital dos económicos

Dinheiro Vivo há quatro meses líder digital dos económicos

Junho marca o quarto mês consecutivo de liderança. Mas a grande novidade deste mês no ranking é a entrada da Rede Nónio.

Já são quatro meses consecutivos de liderança digital do Dinheiro Vivo no segmento da informação económica. No mês de junho, segundo revela o ranking netAudience, da Marktest, a marca do Global Media Group (GMG) – dono de títulos como o Diário de Notícias, Jornal de Notícias e TSF, entre outros – alcançou uma audiência multiplataforma de 991 mil de utilizadores únicos em Portugal, ficando acima do seu concorrente mais direto, o Jornal de Negócios, que chegou a 986 mil indivíduos. Fora do ranking estão o Jornal Económico e o ECO.

A liderança do Dinheiro Vivo serviu de mote para ouvirmos testemunhos de decisores acerca da liderança. Pode ver os vídeos em A Arte de Liderar.

netaudience junho

Tabela netAudience com os números de audiências auditados

O Dinheiro Vivo é o mais lido entre os títulos económicos, quer no digital quer em formato de papel. Dados da 1ª vaga de 2019 do Bareme Imprensa, estudo de audiências da Marktest, revelam que o suplemento de economia que chega às bancas ao sábado com o DN e o JN mantém cerca de 295 mil leitores semanais, uma audiência que ultrapassa em mais de 90 mil o caderno de economia do Expresso e que é perto do dobro das do Negócios e do Jornal Económico.

Site do DV na liderança desde março

Pela primeira vez, em março, o Dinheiro Vivo assumiu a liderança do ranking. O site alcançou uma audiência multiplataforma de 1,13 milhões de pessoas, somando mais cerca de oito mil utilizadores do que o principal concorrente. Já em abril, o site do Dinheiro Vivo ultrapassou a barreira dos 1,3 milhões de visitantes únicos, batendo o recorde dos económicos, nesta série de resultados mensais medidos a partir de agosto último. Em maio chegou a 1,25 milhões de utilizadores únicos em Portugal.

Segundo explica a Marktest, “a partir de agosto, ocorreu uma quebra de série temporal nos indicadores de audiência do netAudience, resultante de uma evolução metodológica global, sendo que essa alteração afeta a comparabilidade com dados anteriores, dando início a uma nova série temporal”.

Estreia da Rede Nónio no ranking

Em junho, pela primeira vez, o ranking netAudience de redes inclui o Nónio, que é a plataforma tecnológica criada pela grande maioria dos grupos de comunicação social portugueses (Cofina, Global Media, Impresa, Media Capital, Público e Renascença), onde se inclui o Dinheiro Vivo. A rede Nónio soma um reach multiplataforma de 4.822.078 indivíduos em Portugal.

Entre os grupos de media, o GMG mantém a liderança (3.592.117 indivíduos), segue-se a Media Capital (3.498.286), dona da TVI e Rádio Comercial, e depois a Cofina (3,246.817), dona do Correio da Manhã e do Jornal de Negócios, entre outros, e a Impresa (2.952.434), com títulos no seu portfólio como o Expresso e SIC.

Títulos do GMG no ranking

O Jornal de Notícias alcançou um reach de 2,52 milhões de indivíduos, estando à frente do Correio da Manhã, com 2,29 milhões, mas atrás do Público (2,54 milhões) e da TVI (2,67 milhões), que lidera.

O Diário de Notícias teve um alcance de 1,75 milhões de indivíduos. O Jogo alcançou 1,33 milhões. A TSF teve um reach de 1,12 milhões. Veja abaixo as audiências de todos os títulos do GMG.

GMG
1
1