expresso.ptexpresso.pt - 11 jul 18:41

Putin e Zelensky discutem conflito na Ucrânia em primeiro contacto telefónico

Putin e Zelensky discutem conflito na Ucrânia em primeiro contacto telefónico

Na segunda-feira o novo chefe de Estado ucraniano, um antigo comediante com escassa experiência política, propôs um encontro com Putin para tentar resolver a crise entre os dois países. Na ocasião, sugeriu uma discussão que também incluísse os dirigentes britânicos e norte-americanos

O Presidente russo Vladimir Putin e o seu homólogo ucraniano Volodymyr Zelensky, eleito em abril, discutiram o conflito no leste da Ucrânia no decurso da sua primeira entrevista por telefone, anunciou esta quinta-feira o Kremlin.

"Foram abordadas questões relacionadas com a resolução do conflito no sudeste da Ucrânia e do trabalho comum para o regresso de pessoas detidas dos dois lados", precisou Dmitri Peskov, porta-voz da Presidência, citado pelas agências russas.

.

"A possibilidade de prosseguir os contactos no quadro do formato da Normandia foi igualmente abordada", acrescentou Peskov, ao mencionar esta iniciativa diplomática que reúne desde 2014 Paris, Moscovo, Kiev e Berlim sobre a questão da guerra na Ucrânia.

De acordo com os 'media' russos, Vladimir Putin afirmou hoje que "nunca recusou os formatos propostos", incluindo um possível alargamento do formato de discussão.

As relações entre a Ucrânia e a Rússia são extremamente tensas desde a rebelião pró-europeia do Maidan durante o inverno 2013-2014, que implicou a queda e a fuga para a Rússia do então Presidente ucraniano Viktor Ianukovitch.

A subida ao poder dos pró-ocidentais foi seguida da anexação pela Rússia da península ucraniana da Crimeia. Quase em simultâneo, eclodiu uma guerra entre as tropas ucranianas e os separatistas pró-russos no leste da Ucrânia, que provocou perto de 13.000 mortos.

Kiev e os ocidentais acusam a Rússia de apoiar militarmente os insurgentes, e que Moscovo desmente.

Os acordos de paz de Minsk, assinados em 2015 com patrocínio da Alemanha e França, permitiram reduzir consideravelmente os confrontos, apesar de ocorrerem regularmente focos de violência.

1
1